Edição do dia

Segunda-feira, 26 de Fevereiro, 2024
Cidade do Santo Nome de Deus de Macau
nuvens dispersas
13.9 ° C
15.9 °
13.9 °
77 %
6.2kmh
40 %
Dom
15 °
Seg
19 °
Ter
19 °
Qua
20 °
Qui
22 °

Suplementos

PUB
PUB
Mais
    More
      Início Ásia EUA concede financiamento superior a 553 milhões ao Sri Lanka

      EUA concede financiamento superior a 553 milhões ao Sri Lanka

       

      A Corporação Financeira de Desenvolvimento dos Estados Unidos (DFC) anunciou ontem que vai conceder um financiamento de mais de 500 milhões de dólares ao Sri Lanka para o desenvolvimento de um novo terminal no porto de Colombo. O financiamento surge em plena grave crise económica que o país asiático atravessa.

      “A DFC anunciou hoje [quarta-feira], em Colombo, um empréstimo de 553 milhões de dólares” que “se vai destinar ao desenvolvimento e construção do Terminal de Contentores Ocidental”, declarou em comunicado a embaixadora dos Estados Unidos no Sri Lanka, Julie Chung.

      O responsável da DFC, Scott Nathan, afirmou, em conferência de imprensa, que o financiamento “vai criar postos de trabalho para as comunidades locais” e apoiar o crescimento económico do Sri Lanka “numa altura de grande necessidade”.

      O novo terminal portuário de Colombo será concebido para o armazenamento de contentores em águas profundas, o que aumentará a capacidade de transporte marítimo na região do Indo-Pacífico, acrescentou.

      A construção começou há dois anos, impulsionada pela empresa indiana Adani Ports, que detém 51% do terminal e faz parte do Grupo Adani, liderado pelo bilionário indiano Gautam Adani. O empréstimo destina-se a dar resposta ao número crescente de investimentos de empresas chinesas no Sri Lanka.

      A posição geográfica privilegiada do Sri Lanka coloca-o no centro da crescente tensão sobre a expansão chinesa no Indo-Pacífico, um cenário em que a Índia, e sobretudo os Estados Unidos, procuram aliados para reduzir a influência de Pequim.

      O investimento norte-americano surge também numa altura em que o Sri Lanka atravessa a pior crise financeira desde a independência do Império Britânico, em 1948, e que o levou a suspender o pagamento da dívida externa há um ano.

      O país obteve um resgate de três mil milhões de dólares do Fundo Monetário Internacional (FMI) em Março.

       

      Ponto Finalhttps://pontofinal-macau.com
      Redacção do Ponto Final Macau