Edição do dia

Quinta-feira, 22 de Fevereiro, 2024
Cidade do Santo Nome de Deus de Macau
nevoeiro
23.9 ° C
27.6 °
22.9 °
88 %
2.1kmh
75 %
Qui
24 °
Sex
21 °
Sáb
20 °
Dom
21 °
Seg
20 °

Suplementos

PUB
PUB
Mais
    More
      Início Cultura Curtas de animação na Fábrica de Panchões, e outros filmes chineses e...

      Curtas de animação na Fábrica de Panchões, e outros filmes chineses e lusófonos, na Cinemateca e Cotai  

       

      Sessões de cinema ao ar livre para todas as idades na Fábrica de Panchões e uma projecção de um documentário sobre a cantora de bossa nova Miúcha nos jardins do Grand Lisboa Palace são algumas das apostas do IC e do seu “Festival de Cinema entre a China e os Países de Língua Portuguesa” que vai decorrer entre os dias 10 e 24  de Novembro em diversos cinemas da cidade.

       

      Entre os dias 10 e 24 de Novembro, vinte filmes de realizadores chineses e dos países de língua portuguesa vão ser apresentados em vários locais da cidade, numa iniciativa do Instituto Cultural (IC) que faz parte do programa do “5.º Encontro em Macau – Festival das Artes e Cultural entre a China e os Países de Língua Portuguesa”, que está a decorrer de momento no território.

      O filme de abertura do festival, “Bom Outono, mamã”, de Shizhong Chen, vai ser projectado no dia 10 de Novembro nos Cinemas Galaxy. “O filme conta a história de uma pacata aldeia de cana-de-açúcar do sul da China, onde a família de Fong-tai está à espera do nascimento de um novo membro da família. No entanto, um acidente inesperado destrói a tranquilidade e a beleza da aldeia, e Fong-tai inicia uma viagem de redescoberta da sua família e de si própria”, referiu a sinopse divulgada pela organização. Este filme será apresentado em cantonês e mandarim.

      Entre os dias 11 e 23 de Novembro, diversos filmes serão ainda projectados na Cinemateca Paixão, contudo, os detalhes ainda vão ser divulgados em data posterior, indicaram ao nosso jornal os representantes do espaço nas imediações das ruínas de são Paulo.

      Entretanto, no dia 18 de Novembro, a antiga fábrica de panchões Iec Long, na vila da Taipa, vai ser palco de sessões de cinema ao ar livre de “curtas-metragens de animação em que crianças e adultos, independentemente da idade e da nacionalidade, mergulharão num mundo de diversão infantil original e colorido”, partilhou o IC em nota. Das seis animações seleccionadas, destaque para a curta portuguesa “Mercadores de Gelo”, de João Gonzales, que no ano passado venceu o prémio de melhor curta metragem na semana da crítica do Festival de Cinema de Cannes, e foi ainda a primeira curta portuguesa a alguma vez ser nomeada para um Óscar. Outras produções portuguesas que também estarão presentes são “O Homem do Lixo” e “Garrano”, ao passo que da China e Macau virão “Mui”, “Paddy” e “Morning Sun”. No mesmo dia está previsto um workshop de criação de personagens de animação para pais e filhos.

      Adoptando o tema “Vestuário no Cinema”, o festival pretende dar a oportunidade aos participantes de “experimentar a cultura única da China, dos países de língua portuguesa e de Macau através dos trajes e do estilo dos filmes”. Para isso, para além da exibição dos filmes, estão ainda previstas diversas actividades paralelas no espaço Anim’Arte nos lagos Nam Van. No dia 11, sábado, este espaço vai albergar um workshop de artesanato para ópera cantonense, e no dia 19, domingo, vai decorrer um workshop de dança folclórica portuguesa para pais e filhos.

      O festival encerra no dia 24 de Novembro com a projecção do documentário “Miúcha, a voz da Bossa Nova” no Jardim Secreto do Grand Lisboa Palace, no Cotai. O filme franco-brasileiro de Daniel Zarvos e Liliane Mutti retrata a história da falecida cantora brasileira, irmã de Chico Buarque e mulher de Jonao Gilberto, que os responsáveis dizem ter sido “subestimada”, apesar de ser figura central do movimento musical da bossa nova. O documentário recorre a cartas pessoais, diários áudio, filmes caseiros e desenhos a aguarela da cantora que foram animados para o filme e vai ser projectado em português, com legendas em inglês e chinês.