Edição do dia

Segunda-feira, 16 de Maio, 2022
Cidade do Santo Nome de Deus de Macau
nuvens dispersas
19.9 ° C
19.9 °
18.8 °
88 %
8.2kmh
40 %
Seg
21 °
Ter
24 °
Qua
25 °
Qui
25 °
Sex
26 °

Suplementos

PUB
PUB
Mais
    More
      Início Ásia Pelo menos 208 mortos em tufão nas Filipinas

      Pelo menos 208 mortos em tufão nas Filipinas

       

      O número de mortos do tufão Rai subiu para 208 nas Filipinas, disse a polícia nacional ontem, num novo balanço, tornando-se um dos fenómenos naturais mais mortíferos do país nos últimos anos. Pelo menos 239 pessoas ficaram feridas e 52 estão ainda desaparecidas após a passagem devastadora do Rai pelas regiões sul e centro do arquipélago, acrescentou a polícia nacional. Mais de 300.000 pessoas fugiram das suas casas desde quinta-feira. O ramo filipino da Cruz Vermelha relatou uma “carnificina completa” nas zonas costeiras. A tempestade arrancou telhados, arrancou árvores, derrubou postes de electricidade, demoliu casas de madeira e inundou aldeias. O Presidente das Filipinas, Rodrigo Duterte, viajou para a região no sábado e prometeu 40 milhões de dólares em ajuda. As mortes e os danos generalizados deixados pelo tufão antes do Natal naquela nação, maioritariamente católica, trouxeram de volta memórias da catástrofe infligida por outro tufão, o Haiyan, um dos mais poderosos já registados. Atingiu muitas das províncias centrais que foram afectadas na semana passada, vitimando mortalmente mais de 6.300 pessoas em Novembro de 2013. O Papa Francisco expressou no domingo a sua solidariedade com o povo das Filipinas, referindo-se ao tufão “que destruiu muitas casas”. Cerca de 20 tempestades e tufões assolam as Filipinas todos os anos. O arquipélago também se encontra ao longo da região do “Anel de Fogo” do Pacífico, tornando-o um dos países mais suscetíveis a calamidades naturais.

      Ponto Finalhttps://pontofinal-macau.com
      Redacção do Ponto Final Macau

      DEIXE UMA RESPOSTA

      Por favor escreva o seu comentário!
      Por favor, escreve aqui o seu nome