Edição do dia

Quinta-feira, 29 de Fevereiro, 2024
Cidade do Santo Nome de Deus de Macau
nuvens dispersas
16.9 ° C
16.9 °
16.9 °
82 %
3.1kmh
40 %
Qua
18 °
Qui
21 °
Sex
17 °
Sáb
16 °
Dom
20 °

Suplementos

PUB
PUB
Mais
    More
      Início Política Deputados nomeados querem educação patriótica desde o ensino infantil até ao ensino...

      Deputados nomeados querem educação patriótica desde o ensino infantil até ao ensino superior

      Um grupo de deputados nomeados manifestou o desejo de ver reforçada a educação patriótica em Macau. Numa intervenção lida ontem na Assembleia Legislativa pelo deputado Kou Kam Fai – também em nome de Iau Teng Pio e de Pang Chuan – foi sugerido que a educação patriótica comece no ensino infantil e se prolongue até ao ensino superior.

       

      “Sugerimos que, tendo em conta a realidade de Macau, a educação patriótica seja estendida a todo o ciclo educativo, incluindo o aperfeiçoamento dos materiais didácticos para os ensinos infantil, primário, secundário e universitário”. A proposta foi feita ontem na Assembleia Legislativa (AL) numa intervenção antes da ordem do dia lida por Kou Kam Fai e também em nome de Iau Teng Pio e de Pang Chuan. Os três são deputados nomeados pelo Chefe do Executivo.

      Na intervenção, estes parlamentares explicam que a ideia é reforçar os “conhecimentos correctos sobre a história e a cultura do país” e fazer com que os jovens entendam o “rápido e pleno desenvolvimento do país após a reforma e abertura”.

      Na intervenção lida por Kou Kam Fai, o trio de deputados nomeados acrescentou que os jovens devem “aprender e absorver os conhecimentos sobre a excelente cultura tradicional chinesa, em estreita conjugação com a ‘educação patriótica, que deve ser transmitida às futuras gerações’ com o ‘desenvolvimento da excelente cultura tradicional chinesa'”. “Há que fortalecer a confiança cultural e promover a transformação criativa e o desenvolvimento inovador da excelente cultura tradicional chinesa e, ainda, que educar sobre o patriotismo, em colaboração com a Grande Baía e a Zona de Cooperação Aprofundada”, referiu.

      Os três deputados citaram Xi Jinping para dizer que “a educação do amor à pátria e a Macau é responsabilidade de todos, da família, da escola, do Governo e da sociedade em geral”. “Espero que, em conjugação com os esforços de todos os sectores da sociedade, possamos desenvolver a boa tradição do amor à pátria e a Macau, reunindo sabedorias para aperfeiçoar todos os trabalhos de educação patriótica”, afirmou Kou Kam Fai.

      Os deputados consideram que Macau se tornou “numa cidade de renome internacional, caracterizada pela estabilidade política, harmonia social, prosperidade económica e diversidade cultural” e dizem que os bons resultados alcançados pelos estudantes de Macau no PISA 2023 e o “sucesso da educação em Macau” é “inseparável do apoio do Governo Central e dos esforços de todos os sectores, e ainda dos esforços constantes e da implementação firme da educação patriótica em Macau”.

      Por outro lado, Kou Kam Fai, Iau Teng Pio e Pang Chuan também sugeriram que se acelerasse a “integração de Macau no desenvolvimento nacional para alcançar o sucesso”, através das iniciativas “Uma Faixa, Uma Rota”, Grande Baía e da construção da Zona de Cooperação Aprofundada. “Devemos promover a participação activa dos jovens de Macau na construção do país e aproveitar as oportunidades proporcionadas pelo desenvolvimento nacional, para a economia de Macau caminhar rumo à diversificação adequada, ao desenvolvimento sustentável e ao desenvolvimento de alta qualidade, contribuindo desse modo, no âmbito da educação, para a concretização estável e duradoura dos princípios ‘um país, dois sistemas’ e ‘amor pela pátria e por Macau'”, indicaram.