Edição do dia

Segunda-feira, 17 de Junho, 2024
Cidade do Santo Nome de Deus de Macau
nuvens dispersas
27.9 ° C
29.9 °
27.9 °
94 %
4.6kmh
40 %
Dom
28 °
Seg
30 °
Ter
30 °
Qua
30 °
Qui
30 °

Suplementos

PUB
PUB
Mais
    More
      InícioSociedadeMacau recebeu 492 mil turistas durante os feriados do 1.º de Maio

      Macau recebeu 492 mil turistas durante os feriados do 1.º de Maio

      Entre os dias 29 de Abril e 3 de Maio, Macau recebeu, no total, 491.968 visitantes, segundo números divulgados ontem pelo Corpo de Polícia de Segurança Pública (CPSP). Por dia, em média, entraram quase 100 mil turistas na região. O pico de turistas atingiu-se no domingo, dia em que entraram quase 134 mil visitantes, o valor diário mais alto dos últimos três anos.

      Macau recebeu perto de meio milhão de visitantes durante os cinco dias da Semana Dourada do 1.º de Maio, um dos picos turísticos da China continental, foi ontem anunciado. De acordo com dados divulgados pelo Corpo da Polícia de Segurança Pública (CPSP), a região acolheu 491.968 turistas entre 29 de Abril e 3 de Maio.

      O pico foi atingido no domingo, dia em que Macau recebeu 133.911 visitantes, o valor diário mais elevado desde o início de 2020, antes do início da pandemia. A média diária de turistas ficou perto de 100 mil, mais de três vezes maior do que em igual período de 2022. Durante os primeiros três dias dos feriados do 1.º de Maio em 2019, a cidade recebeu 531.503 visitantes, uma média diária de mais de 177 mil.

      Os dados ficaram também muito acima da previsão feita na semana passada pela directora dos Serviços de Turismo, Maria Helena de Senna Fernandes, que disse que, nesta altura, poderiam chegar, em média, 70 mil visitantes por dia. Na quarta-feira, o vice-presidente da Associação das Agências de Turismo de Macau disse, numa conferência de imprensa, que a Semana Dourada estava a ser melhor do que as expectativas.Tang Ka Man revelou que cerca de 300 excursões organizadas tinham vindo da China continental para Hong Kong e Macau durante os feriados.

      Na mesma conferência de imprensa, a vice-presidente da Associação dos Hoteleiros de Macau, Wong Lai Mei, disse que a ocupação hoteleira era, em média, de 85%, semelhante a 2019, e que os preços dos quartos estavam mesmo 2% acima dos níveis pré-pandemia. No entanto, a 15 de Abril, o presidente da Associação dos Hotéis de Macau, Luís Herédia, disse à TDM que cerca de 15% dos quartos iriam permanecer fechados durante os feriados do 1.º de Maio devido à falta de mão de obra.

      De acordo com o CPSP, quase 2,7 milhões de pessoas atravessaram as fronteiras do território durante os cinco dias, sendo que a maioria passou pelas Portas do Cerco.

      Na semana passada, recorde-se, a Direcção dos Serviços de Estatística e Censos (DSEC) indicou que em todo o mês de Março tinham chegado a Macau 1.956.867 visitantes, registando-se um acréscimo de 271,4%, em termos anuais e de 22,8%, em comparação com o mês de Fevereiro. No primeiro trimestre deste ano entraram em Macau 4.948.358 visitantes, mais 163,7%, face ao trimestre homólogo do ano transacto. Lusa

      Ponto Final
      Ponto Finalhttps://pontofinal-macau.com
      Redacção do Ponto Final Macau