Edição do dia

Segunda-feira, 17 de Junho, 2024
Cidade do Santo Nome de Deus de Macau
chuva fraca
28.1 ° C
29.9 °
27.9 °
94 %
3.6kmh
40 %
Seg
30 °
Ter
30 °
Qua
30 °
Qui
30 °
Sex
30 °

Suplementos

PUB
PUB
Mais
    More
      InícioSociedadeTrês personalidades receberam grau de Doutor Honoris Causa pela UPM

      Três personalidades receberam grau de Doutor Honoris Causa pela UPM

      A cerimónia de graduação do ano académico de 2023/2024 da Universidade Politécnica de Macau (UPM), que contou com a presença de Elsie Ao Ieong, secretária para os Assuntos Sociais e Cultura em representação do Chefe do Executivo, atribuiu o grau de Doutor Honoris Causa a Qiao Jie, membro da Academia Chinesa de Engenharia e vice-reitora rxecutiva da Universidade de Pequim, a Amílcar Falcão, reitor da Universidade de Coimbra de Portugal, e Kong Chio Fai, especialista em tecnologia, em reconhecimento dos excelentes resultados académicos e das excecionais contribuições para o desenvolvimento social e educativo.

      Qiao Jie, membro da Academia Chinesa de Engenharia, foi galardoada com o título de Professora Distinta do “Changjiang Scholar” pelo Ministério da Educação da China. Actualmente, é membro do Comité Permanente do Comité do Partido Comunista da China, vice-reitora executiva e directora do Centro de Ciências da Saúde da Universidade de Pequim. Tem-se dedicado à investigação clínica e básica, bem como à transferência de tecnologias relacionadas com a obstetrícia, a ginecologia e a saúde reprodutiva. Recebeu os prémios de “Dez Maiores Avanços Científicos da China” em 2014 e 2015, de “Dez Maiores Avanços em Ciências da Vida da China” em 2019, e de “Realizações Médicas Importantes da China no Século XXI” em 2021, entre outras distinções.

      Amílcar Falcão, reitor da Universidade de Coimbra, é um cientista da área da Farmacologia, activamente envolvido no desenvolvimento e registo de medicamentos em Portugal. Como Director Técnico da ICNAS Produção, empresa detida pela Universidade de Coimbra, esteve envolvido activamente na obtenção do primeiro medicamento radiofarmacêutico desenvolvido e registado em Portugal. Além disso, promove activamente o intercâmbio e a cooperação no ensino superior sino-português, incluindo a criação do Instituto Confúcio na Universidade de Coimbra e o apoio a uma série de cooperações entre a Universidade de Coimbra e a Universidade Politécnica de Macau.

      Sendo uma especialista em tecnologia, Kong Chio Fai desenvolveu a tecnologia de chips GPS para uso civil e a primeira aplicação de navegação, tendo estado envolvida na investigação e desenvolvimento de tecnologias e produtos relacionados com a virtualização do armazenamento, navegação, sistemas de ficheiros e gestão de energia, bem como inteligência artificial, obtendo mais de vinte invenções e patentes importantes.

       

      Ponto Final
      Ponto Finalhttps://pontofinal-macau.com
      Redacção do Ponto Final Macau