Edição do dia

Sábado, 22 de Junho, 2024
Cidade do Santo Nome de Deus de Macau
nuvens dispersas
30.9 ° C
31.9 °
30.9 °
79 %
4.1kmh
40 %
Sáb
31 °
Dom
30 °
Seg
30 °
Ter
30 °
Qua
30 °

Suplementos

PUB
PUB
Mais
    More
      InícioSociedadeNúmero de peões que atravessaram ilegalmente a via subiu 547% em Abril

      Número de peões que atravessaram ilegalmente a via subiu 547% em Abril

      O Corpo de Polícia de Segurança Pública (CPSP) divulgou ontem os dados de trânsito acumulados de Janeiro a Abril deste ano. No total, o CPSP registou, em Abril, mais de 59.500 casos de infracções aos regulamentos de trânsito, envolvendo um montante total de coimas superior a 15,79 milhões de patacas.

      Entre Janeiro e Abril, foram registadas mais de 230.000 infracções, com um montante total de multas de mais de 6,49 milhões de patacas. Em comparação com o mesmo período do ano passado, o número de casos diminuiu cerca de 6,1%, enquanto o valor das coimas aumentou 17,4%.

      Quanto aos peões que atravessam ilegalmente a via, registaram-se 3.440 casos nos primeiros quatro meses, o que representa um aumento de 547,8% em relação ao ano anterior. Só em Abril, registaram-se 435 casos, o que representa uma diminuição de 30,8% em relação ao mês anterior.

      As infracções mais comuns foram o estacionamento ilegal, tendo-se registado mais de 202.100 casos nos primeiros quatro meses, uma diminuição de 11,3% em relação ao ano anterior. Entre estes, o estacionamento ilegal na via pública foi responsável por mais de 188.600 casos, o que representa um aumento de 19,9% em relação ao ano anterior, enquanto o estacionamento ilegal em lugares com parquímetros foi responsável por mais de 13.500 casos, uma diminuição de 80,4% em relação ao ano anterior.

      Só em Abril, registaram-se mais de 522.300 casos de estacionamento ilegal, o que representa um aumento de cerca de 5% em relação ao mês anterior.

      Com o regresso dos turistas, os casos de cobrança excessiva e de recusa de recolha de passageiros por parte dos táxis continuaram a aumentar. Nos primeiros quatro meses, foram registadas 299 infracções de táxi, o que representa um aumento de 143,9% em relação ao ano anterior. Só no mês de Abril foram registadas 93 infracções em táxis, com dois casos de cobrança excessiva, 11 casos de recusa de recolha de passageiros e os restantes 80 casos de outras infracções. Quanto aos acidentes de viação, o número total de Janeiro a Abril foi de 505, um aumento de 19,6% em relação ao ano anterior.

      Y.W.

      Ponto Final
      Ponto Finalhttps://pontofinal-macau.com
      Redacção do Ponto Final Macau