Edição do dia

Domingo, 21 de Abril, 2024
Cidade do Santo Nome de Deus de Macau
chuva moderada
25.9 ° C
26.9 °
25.9 °
94 %
5.7kmh
40 %
Dom
25 °
Seg
25 °
Ter
25 °
Qua
25 °
Qui
29 °

Suplementos

PUB
PUB
Mais
    More
      InícioEconomiaHotéis fixam novo recorde de hóspedes pelo segundo mês consecutivo

      Hotéis fixam novo recorde de hóspedes pelo segundo mês consecutivo

      Os estabelecimentos hoteleiros de Macau acolheram mais de 1,22 milhões de hóspedes em Fevereiro, estabelecendo um novo recorde pelo segundo mês consecutivo, foi ontem anunciado.

      De acordo com dados oficiais da Direcção dos Serviços de Estatística e Censos (DSEC), o número de hóspedes nos 46 mil quartos em 141 hotéis e pensões da RAEM subiu 39,6% em comparação com o mesmo mês do ano passado e 14,2% face a 2019. Foi também o número mais elevado de sempre em Fevereiro. O anterior recorde, 1,08 milhões de hóspedes, tinha sido fixado no início de 2019, antes da pandemia de covid-19, numa altura em que Macau tinha apenas 39 mil quartos em 117 estabelecimentos hoteleiros.

      Os estabelecimentos hoteleiros do território já tinham fixado um novo recorde ao receberem mais de 1,32 milhões de hóspedes em Janeiro, o número mais elevado de sempre para o primeiro mês do ano. Apesar do aumento do número de quartos e de hotéis e pensões, a ocupação média atingiu 85,6%, mais 9,5 pontos percentuais do que em Fevereiro de 2023, mas ainda longe da taxa de 91,9% registada em 2019.

      O preço médio dos quartos de hotel em Macau também aumentou em Fevereiro, mais 28,4% em comparação com o mesmo mês de 2023, de acordo com dados da Associação de Hotéis de Macau, que reúne 43 hotéis locais. Um relatório, divulgado pela Direcção dos Serviços de Turismo, revelou que o preço médio se fixou em 1.545 patacas no mês passado, mais 2% do que em Fevereiro de 2019, antes do início da pandemia.

      Os números traduzem uma recuperação no sector do turismo de Macau, que começou, a partir de Dezembro de 2022, a cancelar a maioria das medidas de prevenção e contenção no território, que, à semelhança da China continental, seguiu a política ‘zero covid’.

      Em 2023, os hotéis e pensões de Macau acolheram 13,6 milhões de hóspedes, mais 165,4% do no ano anterior, e com uma ocupação média de 81,5%, mais do dobro do registado em 2022, revelou a DSEC.

      Ponto Final
      Ponto Finalhttps://pontofinal-macau.com
      Redacção do Ponto Final Macau