Edição do dia

Sexta-feira, 24 de Maio, 2024
Cidade do Santo Nome de Deus de Macau
aguaceiros fracos
25 ° C
25.9 °
24.9 °
100 %
2.1kmh
75 %
Sex
26 °
Sáb
26 °
Dom
28 °
Seg
28 °
Ter
27 °

Suplementos

PUB
PUB
Mais
    More
      InícioPolíticaAbertura da Ponte Flor de Lótus durante tufões precisa de “estudos profundos”,...

      Abertura da Ponte Flor de Lótus durante tufões precisa de “estudos profundos”, diz Governo

       

      As autoridades não descartam a possibilidade de abrir em altura de tufão a Ponte Flor de Lótus, que liga a Taipa à Ilha da Montanha. O Gabinete do Secretário para a Segurança enfatizou que o funcionamento da Ponte durante condições meteorológicas extremas exigirá um estudo profundo com os serviços de meteorologia e de transportes. Em resposta a uma interpelação, o organismo afirmou ainda que não há planos para construir uma passagem rodoviária de urgência entre Macau e Hengqin.

       

      O Gabinete do Secretário para a Segurança garante que vai “cooperar proactivamente” e manter os serviços de imigração no Posto Fronteiriço de Hengqin durante a passagem de tufão em Macau, caso seja assegurado que a Ponte Flor de Lótus reúne as condições de segurança para a abertura em tempos de clima extremo.

      “No futuro, a abertura ao tráfego da Ponte Flor de Lótus, bem como a Ponte de Acesso que liga a Universidade de Macau e o Posto Fronteiriço de Hengqin, durante condições meteorológicas extremas como o sinal 8 de tufão, exigirá um estudo profundo e uma avaliação completa em conjunto com os departamentos de meteorologia e de transportes”, indicou o Gabinete do Secretário para a Segurança, em resposta a uma interpelação escrita apresentada por Ngan Iek Hang, deputado que solicitou a circulação normal na Ponte em tempos de tufão.

      Segundo Cheong Ioc Ieng, chefe do Gabinete de Wong Sio Chak, actualmente, a Ponte Flor de Lótus, sendo a única ligação entre a Taipa e o Posto Fronteiriço de Hengqin, será encerrada dentro de 1h30 depois de se içar o sinal de tempestade tropical n.º 8 ou de grau superior, ao abrigo do despacho do Chefe do Executivo n.º 166/2002. A ponte será apenas reaberta quando baixar o sinal de tufão. Todos os veículos, neste caso, não estarão autorizados a entrar nem sair da ponte durante o período do seu encerramento. “A fim de evitar o bloqueio prolongado dos passageiros transfronteiriços no posto fronteiriço, as autoridades de Macau e do interior da China, após negociação, decidiram suspender temporariamente os serviços de imigração até à reabertura da Ponte Flor de Lótus”, explicou.

      Recorde-se que o deputado Ngan Iek Hang questionou as razões para o encerramento da ponte e do Posto Fronteiriço de Hengqin em tempo de tufão, e pediu para se adoptarem medidas de limitar a velocidade na ponte para manter a circulação, ao mesmo tempo que se salvaguarda a segurança.

      “O encerramento dos canais de passagem do Posto Fronteiriço de Hengqin tem criado, de facto, muitas inconveniências aos residentes e turistas que necessitam de atravessar a fronteira entre Hengqin e Macau”, assinalou. O deputado disse que a circulação dos residentes entre Hengqin e Macau é cada vez mais frequente com o desenvolvimento da Zona de Cooperação Aprofundada e, segundo Ngan, alguns residentes queixaram-se que, durante a recente passagem do tufão “Talim” por Macau, só a Ponte de Sai Van é que dispunha de tabuleiro inferior para a circulação de veículos, e assim demoraram muito tempo a sair do território através dos postos fronteiriços das Portas do Cerco ou de Qingmao.

      Desse modo, Ngan Iek Hang sugeriu ainda que seja criada uma via de circulação de emergência semelhante ao tabuleiro inferior da Ponte de Sai Van para responder às necessidades das deslocações entre Hengqin e Macau nos dias de tufão e disponibilizar mais uma opção aos residentes e turistas para saírem da região com segurança.

      Cheong Iok Ieng, entretanto, citou o Gabinete do Secretário para os Transportes e Obras Públicas ao revelar que o Governo “não dispõe actualmente de qualquer plano relevante” da construção de um acesso de emergência para veículos que ligue Macau a Hengqin. “Por razões de segurança pessoal, as autoridades de segurança não aconselham os residentes a sair durante condições meteorológicas extremas, quando é içado o sinal de tufão n.º 8 ou superior”, sublinhou. O Gabinete reiterou que o Governo adopta medidas restritivas prudentes de acordo com a lei, sendo que os residentes e turistas, na prática, devem evitar sair e permanecer num local seguro.