Edição do dia

Terça-feira, 25 de Junho, 2024
Cidade do Santo Nome de Deus de Macau
nublado
33.2 ° C
33.2 °
33.2 °
78 %
5.2kmh
99 %
Ter
33 °
Qua
30 °
Qui
30 °
Sex
30 °
Sáb
30 °

Suplementos

PUB
PUB
Mais
    More
      InícioCulturaMuseu de Artes Asiáticas de Nice recebe 40 obras de Season Lao...

      Museu de Artes Asiáticas de Nice recebe 40 obras de Season Lao  

       

      Um ramo de árvore de pinheiro a preencher uma gigantesca série de painéis com ao todo 22 metros de comprimento, e várias outras obras de fotografia impressa em papel de arroz da autoria de Season Lao estão expostas no Museu de Artes Asiáticas de Nice. A mostra a solo de 40 obras do artista de Macau intitula-se “Um espaço vazio tornado branco para a Iluminação” e pretende mostrar como o espaço vazio nas obras artísticas, e o próprio espaço circundante às obras, fazem parte da experiência artística. Season Lao defende que arte é uma porta para um “espaço profundo e misterioso”, em que conseguimos “respirar e sentir a beleza do pulsar primordial da vida”.

       

      Mais de 40 obras do artista Season Lao estão expostas no Museu de Artes Asiáticas de Nice, em França, sob o nome “Um espaço vazio tornado branco para a Iluminação”. A prestigiosa exposição a solo do artista de Macau coincide com o 25.º aniversário do museu, que foi concebido pelo já falecido arquitecto japonês Tange Kenzo. Season Lao, que vive em Quioto, no Japão, é conhecido pela estética depurada das suas obras, com espaços em branco preenchidos por fenómenos naturais como neve ou névoa. Na sua página lê-se que as “suas instalações artísticas dissolvem as fronteiras entre espectador e objecto artístico, redefinindo a relação entre objecto e sujeito.”

      Patentes no museu durante 6 meses, de Maio a Novembro, as 40 obras de Season Lao, que fundem fotografia e impressão em papel de arroz, incluem a série “Lótus” anteriormente exposta em Macau, e em diversos pontos do mundo. Nesta série, é possível ver várias paisagens de pés de lótus secos espalhados de forma parcimoniosa num fundo branco. A grande estrela da exposição é, no entanto, “Árvores de pinheiro de inverno em paisagem em forma crescente”, numa estreia da obra de grande escala em França: composta por painéis de ao todo 22 metros de comprimento, nesta impressionante instalação de Season Lao pode-se ver um ramo de árvore de pinheiro a atravessar estes enormes painéis.

      Por ocasião do lançamento da exposição a solo em Nice, Season Lao defendeu que “a arte não deve enfatizar a superioridade dos materiais e das técnicas”. Para o fotógrafo e artista plástico, o mais importante é “desenvolver plataformas artísticas que convidem os espectadores a entrar num espaço profundo e misterioso, e respirar e sentir a beleza do pulsar primordial da vida”.

      A concepção estética de Season Lao implica que o prazer estético resida na simplicidade e no recurso ao etéreo. “A simplicidade visual e a quietude sonora criam uma atmosfera pura e calma, permitindo que a imaginação corra solta. Esta experiência artística alternativa lembra-nos o regresso à pureza orgânica e a procura da essência da arte. É isso que a arte é”, explicou o artista.

      Nascido em Macau em 1987, Season Lao licenciou-se pela Universidade Politécnica de Macau. Na biografia da sua página lê-se que “quando tinha vinte e poucos anos, na altura em que Macau foi transferida de Portugal para a China, uma colecção das suas obras atraiu a atenção do público, o que levou ao cancelamento da demolição de um conjunto de edifícios históricos, incluindo a sua casa ancestral. Foi este incidente que o inspirou a avançar com os seus projectos artísticos”. Através de um encontro fortuito em Hokkaido, o artista estabeleceu uma base no Japão e, desde então, tem exposto as suas obras tanto a nível nacional como internacional. As suas obras são coleccionadas por instituições como o Museu de Arte de Macau, o Museu de Artes Asiáticas de Nice, o Hotel Ritz-Carlton, o Setsu Niseko, o Aya Niseko, o hotel Nipponia Mino Shokamachi, e estão incluídas em colecções privadas no Japão, Coreia, China, EUA, Itália, Suíça, Singapura, Taiwan, Hong Kong e Macau.