Edição do dia

Domingo, 21 de Abril, 2024
Cidade do Santo Nome de Deus de Macau
céu pouco nublado
24.9 ° C
24.9 °
24.9 °
94 %
5.1kmh
20 %
Sáb
26 °
Dom
26 °
Seg
25 °
Ter
25 °
Qua
25 °

Suplementos

PUB
PUB
Mais
    More
      InícioSociedadeElsie Ao Ieong destaca papel de Macau na Rota Marítima da Seda

      Elsie Ao Ieong destaca papel de Macau na Rota Marítima da Seda

      A secretária para os Assuntos Sociais e Cultura discursou ontem no Fórum Cultural Internacional sobre a Rota Marítima da Seda e sublinhou que Macau mantém o espírito da iniciativa. “As culturas do oriente e do ocidente encontram-se e cruzam-se em Macau, formando uma atmosfera única em que várias culturas e grupos de pessoas vivem em harmonia”, apontou ElsieAo Ieong.

      Elsie Ao Ieong, secretária para os Assuntos Sociais e Cultura, esteve presente no Fórum Cultural Internacional sobre a Rota Marítima da Seda, que foi inaugurado ontem. Na ocasião, a secretária começou por lembrar que a Rota Marítima da Seda foi “uma das passagens cruciais para o comércio externo e o intercâmbio cultural” da China, “tendo contribuído significativamente para a promoção do intercâmbio e cooperação nas áreas de comércio, tecnologia e cultura” com o resto do mundo.

      “A paz, a simpatia, a vantagem recíproca e o benefício mútuo que se verificaram na Rota Marítima da Seda não apenas foram geralmente reconhecidos por diversos países na época, sendo estas características igualmente esplendorosas e preciosas no presente momento em que o mundo vive mudanças sem precedentes nos últimos cem anos”, afirmou Elsie Ao Ieong.

      A secretária destacou o papel de Macau enquanto “portal importante onde os conhecimentos ocidentais são transmitidos para o oriente e vice-versa”. “As culturas do oriente e do ocidente encontram-se e cruzam-se em Macau, formando uma atmosfera única em que várias culturas e grupos de pessoas vivem em harmonia”, disse, acrescentando que hoje, sob o princípio Um País Dois Sistemas, “diferentes culturas respeitam-se mutuamente e convivem em paz” e “ajudam-se umas às outras e avançam em frente de mãos dadas”.

      “A prosperidade da Rota Marítima da Seda dos tempos antigos continua bem visível no património cultural de Macau, enquanto o espírito harmonioso e inclusivo da cidade antiga continua a ser transmitido na RAEM, que já está muito mais desenvolvida”, frisou.

      Assim, Elsie Ao Ieong vê o projecto de protecção da Rota Marítima da Seda e de candidatura da mesma para inscrição na Lista do Património Cultural da UNESCO como uma missão cultural importante no âmbito da iniciativa Uma Faixa, Uma Rota e também um trabalho fundamental para o desenvolvimento cultural da Grande Baía Guangdong-Hong Kong-Macau.

      Elsie Ao Ieong garantiu que “Macau continuará a reforçar a cooperação com todas as cidades-membro da Aliança das Cidades para a Protecção da Rota Marítima da Seda e Candidatura Conjunta a Património Cultural Mundial”, tendo em conta o papel da região como “Um Centro, Uma Plataforma, Uma Base” e promovendo a candidatura conjunta da Rota Marítima da Seda a Património Mundial.

      Em conclusão, a governante indicou que este fórum mostra “o reconhecimento e apoio do país ao desenvolvimento das indústrias culturais de Macau, destacando ainda mais o papel de Macau como plataforma de intercâmbio cultural internacional”.