Edição do dia

Segunda-feira, 4 de Março, 2024
Cidade do Santo Nome de Deus de Macau
nuvens dispersas
14.9 ° C
18.9 °
14.9 °
88 %
1.5kmh
40 %
Dom
20 °
Seg
22 °
Ter
23 °
Qua
24 °
Qui
19 °

Suplementos

PUB
PUB
Mais
    More
      Início Sociedade Macau pode ser assolado por cinco a oito tempestades tropicais este ano

      Macau pode ser assolado por cinco a oito tempestades tropicais este ano

      A previsão é da Direcção dos Serviços Meteorológicos e Geofísicos que revelou que o primeiro tufão pode chegar ao território na “primeira quinzena de Junho ou antes”. A entidade deixou ainda a promessa de que vai melhorar a qualidade dos serviços de alerta de mau tempo, assim como implementar o sistema de “Nowcasting”.

       

      A RAEM deverá ser afectada, este ano, por cinco a oito tufões, preveem os Serviços Meteorológicos e Geofísicos (SMG). Em conferência de imprensa, na passada sexta-feira, a entidade assumiu ainda que a primeira tempestade tropical poderá “chegar na primeira quinzena de Junho, ou mesmo antes”. “Para a previsão de precipitação de tempestade tropical para 2022, o número de tempestades tropicais que podem afectar Macau é normal a relativamente alta, entre cinco e oito. Alguns destes tufões podem atingir o nível de tufão severo ou nível superior, afirmou o chefe de divisão de Meteorologia,  Lok Chan Wa

      O meteorologista revelou ainda que os SMG vão apostar forte no melhoramento da qualidade dos serviços de alerta de mau tempo, instalando mais estações de monitorização, bem como importar um “Sistema Central de Processamento das Informações de Relâmpago” e implementar um sistema de “Nowcasting” a fim de fornecer informações mais abrangentes e objectivas para vigilância, análise e previsão de clima severo e ambiente atmosférico. “Estabelecer progressivamente um sistema de gestão de qualidades” é outra das bandeiras dos SMG para este ano, que passa por “garantir a padronização de processos” e um maior “empenho na prestação de serviços de qualidade”.

      A entidade lembrou ainda que a estação das chuvas está prestes a chegar e, por isso, deixa um apelo para que todos os sectores da sociedade possam tomar medidas de resposta com a maior brevidade possível. “Aconselhamos aos cidadãos que não ignorem o sinal de chuva intensa e, mais importante, que se abriguem num lugar seguro enquanto o sinal de chuva intensa estiver em vigor”, disse ainda o mesmo responsável.

      À margem, o director dos SMG, Leong Weng Kun, notou que as alterações meteorológicas, nomeadamente o aquecimento global, têm levado a um aumento na frequência da ocorrência de tempestades tropicais. “Os extremos climáticos continuam a ocorrer e os ciclones tropicais continuam a aumentar”, atirou.

      No ano passado, Macau registou oito ciclones tropicais, dos quais dois foram classificados como tufão forte. “A estação chuvosa deste ano vai ser caracterizada por temperaturas normais a altas e precipitações normais a altas, com a possibilidade de chuvas extremamente fortes”, acrescentou Leong.

      Recorde-se que, no ano passado, o território foi assolado por 35 tempestades e uma temperatura média de 23,5º C, no segundo ano mais quente desde 1952, indicou ainda o director dos SMG, no final da Conferência de Imprensa do Dia Meteorológico Mundial, que prometeu que o organismo que lidera possa disseminar mais notificações meteorológicas, aumentando a frequência das mesmas, bem como melhorar o seu conteúdo informativo.

      Os SMS vão lançar, no decorrer deste ano, um programa intitulado “FUN Visita Meteorológica Familiar e Divertida”, e criar uma Plataforma de Monitorização de Dados Meteorológicos nas Escolas de Macau, de modo a reforçar a sensibilização de conhecimentos sobre a prevenção de desastres meteorológicos.

       

      PONTO FINAL