Edição do dia

Sábado, 20 de Abril, 2024
Cidade do Santo Nome de Deus de Macau
trovoada com chuva
26.9 ° C
26.9 °
24.9 °
89 %
2.1kmh
40 %
Sáb
27 °
Dom
27 °
Seg
24 °
Ter
24 °
Qua
25 °

Suplementos

PUB
PUB
Mais
    More
      InícioEconomiaIndústria financeira em foco na reunião entre Ho Iat Seng e responsável...

      Indústria financeira em foco na reunião entre Ho Iat Seng e responsável do Banco Luso

      O Chefe do Executivo reuniu-se na tarde de quarta-feira com Huang Laizhi, presidente do conselho de administração do Banco Luso Internacional. No encontro, foram abordados temas como a promoção do desenvolvimento da indústria financeira de Macau, o apoio à construção da Zona de Cooperação Aprofundada entre Guangdong e Macau em Hengqin e à diversificação adequada da economia local, por exemplo.

      Na ocasião, Ho Iat Seng lembrou que “a indústria financeira é um pilar importante para o desenvolvimento da economia da RAEM, em geral, e com um sistema bancário seguro e sólido cria-se uma boa base para o desenvolvimento sustentável e mais diversificado da economia local”.

      O Chefe do Executivo aproveitou a ocasião para felicitar o Banco Luso Internacional pelo seu 50.º aniversário, reconhecendo os seus “contributos para a indústria financeira de Macau” e disse esperar que a instituição “continue a divulgar esta boa tradição e mantenha o espírito pioneiro, apoie proactivamente a inovação e a prática financeira em Macau e na Zona de Cooperação Aprofundada, dando maiores contributos para a diversificação adequada da economia local”.

      Por seu lado, Huang Laizhi afirmou que o Banco Luso internacional “continuará a promover a transformação dos seus negócios financeiros em quatro aspectos, ou seja, serviços financeiros destinados aos chineses ultramarinos, finança transfronteiriça, finança industrial e finança digital, e desenvolver-se-á como banco pioneiro no mercado obrigacionista e de gestão de fortunas com características próprias”. Além disso, o responsável garantiu que o banco “contribuirá, mais proactivamente, para a diversificação da economia local e a construção da Zona de Cooperação Aprofundada”.

      Ponto Final
      Ponto Finalhttps://pontofinal-macau.com
      Redacção do Ponto Final Macau