Edição do dia

Terça-feira, 25 de Junho, 2024
Cidade do Santo Nome de Deus de Macau
chuva moderada
34.3 ° C
34.3 °
34.3 °
77 %
6.1kmh
90 %
Ter
34 °
Qua
30 °
Qui
30 °
Sex
30 °
Sáb
30 °

Suplementos

PUB
PUB
Mais
    More
      InícioSociedadeNova Biblioteca Central já está na fase de “projecto base”

      Nova Biblioteca Central já está na fase de “projecto base”

      Continuam a andar os trabalhos para a concepção da nova Biblioteca Central que vai surgir no Tap Seac, onde era o Hotel Estoril. O Gabinete da Secretária para os Assuntos Sociais e Cultura adiantou ao PONTO FINAL que a construção da nova biblioteca já entrou na fase de “projecto base”.

       

      A nova Biblioteca Central já está na fase de “projecto base” da sua elaboração, avançou o Gabinete da Secretária para os Assuntos Sociais e Cultura ao PONTO FINAL. Em Dezembro do ano passado, o Instituto Cultural (IC) referiu que o projecto estava “na fase do programa preliminar de elaboração”.

      O gabinete de Elsie Ao Ieong não se comprometeu com uma data para a conclusão da obra nem com uma estimativa para o seu orçamento. “O Governo da RAEM irá assegurar a construção dos edifícios e o controlo de materiais, com vista a uma utilização eficaz do erário público, e irá anunciar e iniciar, após a conclusão da elaboração do projecto, o processo de concurso para a execução da obra de construção em tempo oportuno, pelo que, após o início do respectivo processo de concurso é que poderá ficar a conhecer o orçamento e o tempo necessário para a obra de construção em causa”, lê-se na resposta do Governo.

      Recorde-se de que, aquando do anúncio de que o Governo tinha escolhido o atelier neerlandês Mecanoo para construir uma Biblioteca Central onde antes era o antigo Hotel Estoril, o IC informou que a obra deverá custar cerca de 500 milhões de patacas e deverá estar concluída no fim de 2024 ou início de 2025.

      No projecto apresentado ao Governo no ano passado, o atelier neerlandês disse ter investigado o estilo moderno do elemento “grelha” da fachada do edifício antigo do Hotel Estoril para reinterpretá-lo e reconstruí-lo com técnicas contemporâneas. A “grelha” definida para a nova fachada apresenta uma maior densidade que a antiga, tendo sido desenhado segundo um plano inclinado. Os alçados frontal e lateral são parcialmente “levantados”, dando às pessoas a sensação de folhear as páginas de um livro. As estantes interiores altas vão do pavimento ao tecto em rectícula formando as paredes divisórias múltiplas. Quando a luz do sol incide sobre estes elementos, cria uma projecção de luz e sombra.

      A nova biblioteca vai dispor de auditórios, salas de conferência polivalentes, zonas de criação, espaços de tecnologia informática e multimédia, zona de leitura infantil, biblioteca familiar, espaço com brinquedos, sala de convívio familiar, salas de aula, instalações inteligentes acessíveis para o público em geral e ainda instalações universais.

      A Mecanoo venceu o Prémio RIBA Internacional 2014 e 2016 e tem experiência na concepção de edifícios públicos, especialmente bibliotecas e escolas. A equipa holandesa já tinha desenvolvido projectos na Biblioteca de Birmingham, na Biblioteca Central de Haia, na renovação da Biblioteca Central Pública de Nova Iorque, na Biblioteca Memorial Martin Luther King Jr., e na Biblioteca Central de Tainan.