Edição do dia

Quarta-feira, 19 de Junho, 2024
Cidade do Santo Nome de Deus de Macau
chuva fraca
30.9 ° C
32.9 °
30.9 °
84 %
5.1kmh
40 %
Qua
31 °
Qui
30 °
Sex
30 °
Sáb
30 °
Dom
30 °

Suplementos

PUB
PUB
Mais
    More
      InícioPolíticaMa Io Fong quer pena mais pesada para proteger os menores contra...

      Ma Io Fong quer pena mais pesada para proteger os menores contra crimes sexuais

      O número elevado de crimes sexuais contra menores em Macau no ano passado alertou a sociedade e o deputado Ma Io Fong sugeriu ao Governo que imponha penas mais pesadas para os crimes relevantes, com vista a uma melhor protecção das crianças.

      O deputado pediu ontem na Assembleia Legislativa às autoridades que avancem, o mais rápido possível, com a revisão da lei, nomeadamente os efeitos dissuasores nas estipulações legais, incluindo estudar a disposição das regiões vizinhas sobre a impossibilidade de suspensão da pena em caso de abuso sexual de menores. Propôs ainda que aumente o limite mínimo da moldura penal, elimine a pena de multa e impossibilite a substituição da pena de prisão por multa.

      Citando as estatísticas sobre a criminalidade e a execução da lei em 2022, divulgadas pelo Gabinete do Secretário para a Segurança, Ma Io Fong indicou que, apesar de a maioria dos tipos de crime ter baixado no ano passado, os casos de abuso sexual contra crianças aumentaram quase 50% relativamente ao ano anterior, sendo o número mais elevado dos últimos quatro anos.

      “No ano passado, muitos dos indivíduos com idade inferior à idade de imputabilidade, enviados ao Ministério Público, estiveram envolvidos em crimes sexuais, e o número destes casos fez soar o alarme da protecção dos menores. A situação mostra também a premência de reforçar a sensibilização dos menores ao nível da sexualidade e da autoprotecção”, alertou o deputado ligado à Associação Geral das Mulheres.

      Neste caso, o também professor do ensino não superior destacou que, na prática, muitos casos de abuso sexual de crianças encerraram com pena suspensa, pelo que, de modo geral, “a sociedade entende que a pena para este tipo de crime é leve, o que afecta o seu efeito dissuasor”, e também não está a corresponder ao objectivo de desenvolvimento urbano de “cidade amiga das crianças”.

      Ma Io Fong, por outro lado, chamou a atenção sobre a “fraca consciência de autoprotecção” entre os menores. O legislador lançou um apelo à sociedade para prestar mais atenção à educação sexual dos menores, promovendo os trabalhos de sensibilização junto às escolas, dando a conhecer aos alunos a responsabilidade penal, a denúncia e o pedido de apoio sobre os crimes sexuais.