Edição do dia

Terça-feira, 18 de Junho, 2024
Cidade do Santo Nome de Deus de Macau
nuvens dispersas
31.7 ° C
34.8 °
30.9 °
89 %
5.1kmh
40 %
Ter
32 °
Qua
31 °
Qui
30 °
Sex
30 °
Sáb
30 °

Suplementos

PUB
PUB
Mais
    More
      InícioEconomiaCampanhas de incentivo ao investimento em Macau e Hengqin originaram 17 projectos

      Campanhas de incentivo ao investimento em Macau e Hengqin originaram 17 projectos

      Entre Março e Abril, o Instituto de Promoção do Comércio e do Investimento de Macau (IPIM) juntamente com representantes da Zona de Cooperação Aprofundada entre Guangdong e Macau em Hengqin realizaram campanhas internacionais de incentivo ao investimento. Destas iniciativas, indicou ontem o IPIM, resultaram 17 contratos de projectos e 350 encontros de bolsas de contactos.

       

      O Instituto de Promoção do Comércio e do Investimento de Macau (IPIM), em conjunto com representantes da Zona de Cooperação Aprofundada entre Guangdong e Macau em Hengqin, organizou, entre Março e Abril, campanhas internacionais de incentivo ao investimento, assim como visitas ao sudeste asiático e a países de língua portuguesa.

      Em comunicado, o IPIM diz agora que, ao longo dessa campanha de incentivo ao investimento de empresas da Indonésia, Malásia, Portugal e Singapura, foram estabelecidas “parcerias consistentes”, tendo sido assinados 17 contratos de projectos e organizados cerca de 350 encontros de bolsas de contactos. Além disso, segundo o IPIM, os responsáveis das associações comerciais de Portugal irão visitar Macau em breve, assim como a Zona de Cooperação Aprofundada.

      Outro evento considerado pelas autoridades como importante para o incentivo ao investimento – a Conferência Global de Promoção de Investimento na Zona de Cooperação Aprofundada entre Guangdong e Macau em Hengqin 2023 – realizou-se na terça-feira, tendo este sido o primeiro evento de promoção em grande escala para os interessados do interior da China, tendo uma abrangência de mais de 300 pessoas.

      Além disso, refere o comunicado do IPIM, estão a ser preparadas outras actividades de promoção ao investimento em Macau e na Zona de Cooperação Aprofundada em outros países e regiões. “Futuramente, o IPIM irá continuar a trabalhar na promoção de um novo modelo de ‘Plataforma de Macau + Recursos Internacionais + Espaço de Hengqin + Partilha de Conquistas’ na Zona de Cooperação Aprofundada’, visando o desenvolvimento conjunto das indústrias de Macau e de Hengqin, através da organização e participação em várias conferências e exposições locais e internacionais”, lê-se na nota.

      “Macau e Hengqin estão localizadas na Grande Baía Guangdong-Hong Kong-Macau, e caminham de mãos dadas no que toca a complementarem as suas vantagens mútuas”, aponta o IPIM no comunicado, recordando que Macau adoptou uma estratégia para desenvolver a diversificação ‘1+4’ e que a Zona de Cooperação Aprofundada entre Guangdong e Macau em Hengqin tem quatro posicionamentos estratégicos: “funcionar como uma nova plataforma para impulsionar a diversificação adequada da economia de Macau, um novo espaço destinado a facilitar a vida e emprego para os residentes de Macau, um novo exemplo de como a prática do princípio ‘Um País, Dois Sistemas’ pode trazer prosperidade, e um novo patamar da construção da Grande Baía Guangdong-Hong Kong-Macau”.