Edição do dia

Terça-feira, 7 de Fevereiro, 2023
Cidade do Santo Nome de Deus de Macau
nuvens dispersas
17.9 ° C
19.9 °
17.9 °
94 %
1kmh
40 %
Seg
20 °
Ter
22 °
Qua
19 °
Qui
20 °
Sex
20 °

Suplementos

PUB
PUB
Mais
    More
      Início Sociedade Governo lança plano de distribuição de testes rápidos de antigénio

      Governo lança plano de distribuição de testes rápidos de antigénio

      As autoridades lançaram um programa de distribuição de testes rápidos de antigénio. Assim, a partir de hoje e até 4 de Janeiro, os cidadãos podem comprar cinco conjuntos de testes pelo preço de 20 patacas.

      O Governo apresentou ontem o “Programa de fornecimento de reagentes para os autotestes rápidos de antigénio aos residentes de Macau”, que prevê a venda de conjuntos de cinco testes de antigénio pelo preço de 20 patacas. Os conjuntos de testes começam hoje a ser distribuídos e o plano termina no dia 4 de Janeiro.

      Segundo o comunicado divulgado ontem pelas autoridades sanitárias, este plano pretende dar “resposta à evolução da situação epidemiológica”, uma vez que “os autotestes rápidos de antigénio ao Novo Tipo de Coronavírus constituem uma importante medida auxiliar de prevenção epidémica”.

      Os destinatários do programa são os residentes de Macau, os trabalhadores não-residentes e os estudantes de instituições de ensino superior não-residentes da RAEM. No acto da compra, todos os indivíduos elegíveis devem exibir documentos de identificação válidos. Os estudantes não-residentes apenas poderão adquiri-los após o sistema identificar com sucesso as informações do cartão de estudante.

      Estes conjuntos de testes rápidos de antigénio encontram-se à venda 55 farmácias convencionadas e em cinco postos de serviços da Federação das Associações dos Operários de Macau e Associação Geral das Mulheres de Macau.

      Os reagentes adquiridos através deste Programa podem ser devolvidos aos Centros de Saúde, caso não estejam em conformidade com o padrão de qualidade ou tenham defeito.

      As autoridades de saúde salientam que o número de reagentes para os autotestes rápidos de antigénio disponíveis “é suficiente dar cobertura a todas as necessidades da população durante a vigência deste programa”. No entanto, “apela-se aos residentes que não é necessário comprar os reagentes logo nos primeiros dois dias, para evitar a aglomeração de pessoas, nem é necessário aguardar longas horas para adquiri-los”.

       

      MAIS TESTES DE ÁCIDO NUCLEICO PARA GRUPOS PROFISSIONAIS CHAVE

      Ao mesmo tempo que foi lançado o programa de distribuição de testes de antigénio, a Direcção dos Serviços de Administração e Função Pública (SAFP) anunciou que os grupos profissionais chave vão ter de realizar mais testes de ácido nucleico.

      Assim, pilotos ou tripulantes de avião de ida e volta do interior da China, seguranças, empregados de limpeza, empregadas domésticas dos estabelecimentos hoteleiros, outros trabalhadores dos estabelecimentos hoteleiros que tenham de receber hóspedes, empregados de limpeza e seguranças de casinos, croupiers e outros trabalhadores dos casinos e trabalhadores de cinemas e de teatros terão de realizar um teste de ácido nucleico e um teste rápido de antigénio a cada quatro dias. Anteriormente, a orientação impunha que fizessem apenas um teste de ácido nucleico a cada sete dias.

       

      Quatro resultados positivos nos testes nas zonas-alvo

      O Centro de Coordenação de Contingência do Novo Tipo de Coronavírus informou ontem que foram detectados quatro resultados positivos nos testes feitos nas zonas-alvo durante o período de 30 de Novembro a 4 de Dezembro. As autoridades não deram mais detalhes sobre estes casos.

       

      Mulher do continente que estava infectada participou na Meia-Maratona

      As autoridades de saúde detectaram mais um caso confirmado de Covid-19: uma mulher do interior da China que tinha participado na Meia-Maratona. A mulher, de 29 anos, chegou a Macau, proveniente de Cantão, no sábado, e nessa tarde almoçou no restaurante Lei Garden, no Venetian, fez compras na Chanel, Dior e DFS, tendo jantado novamente restaurante Tim Ho Wan, no ‘food court’ do Venetian. Na manhã seguinte, participou na Meia-Maratona de Macau. As autoridades de Zhuhai – que verificaram que mulher deu resultado positivo num conjunto de amostras mistas do teste realizado num posto de teste de ácido nucleico da cidade –  alertaram Macau, que confirmou que se trata de um caso confirmado.

       

      Já não há edifícios em zonas vermelhas

      Neste momento não há edifícios considerados zonas vermelhas, uma vez que foram alterados os critérios para classificar as zonas. As autoridades anunciaram no sábado que os prédios com apenas um agregado familiar infectado, serão delimitados como zona amarela, e procedidos à medida de “4 testes em 5 dias”.