Edição do dia

Quinta-feira, 29 de Setembro, 2022
Cidade do Santo Nome de Deus de Macau
céu pouco nublado
27.9 ° C
28.9 °
27.9 °
89 %
6.7kmh
20 %
Qui
28 °
Sex
28 °
Sáb
29 °
Dom
29 °
Seg
30 °

Suplementos

PUB
PUB
Mais
    More
      Início Sociedade Número de trabalhadores hoteleiros desceu 4,7% no primeiro trimestre

      Número de trabalhadores hoteleiros desceu 4,7% no primeiro trimestre

      A Direcção dos Serviços de Estatística e Censos (DSEC) anunciou ontem os resultados do inquérito às necessidades de mão-de-obra e às remunerações referentes ao primeiro trimestre deste ano. Assim, laboravam nos hotéis 47.355 trabalhadores a tempo completo, menos 4,7%, em relação ao fim do trimestre homólogo de 2021. Em Março deste ano a remuneração média (excluindo as participações nos lucros e os prémios) destes trabalhadores cifrou-se em 19.240 patacas, mais 4,8%, em termos anuais, devido à situação dos trabalhadores com licenças sem vencimento ter melhorado em termos homólogos nalguns hotéis e à diminuição de trabalhadores que tinham remunerações relativamente baixas. O sector da restauração empregava 22.885 trabalhadores a tempo completo (-4,3%, em termos anuais). A remuneração média foi de 9.750 patacas, mais 1,6%, face ao primeiro trimestre de 2021, contudo, menos 6,5% quando comparado com o mesmo trimestre de 2019 (antes da pandemia).

      Já nas indústrias transformadoras laboravam 8.024 trabalhadores a tempo completo (-6,0%, em termos anuais), que tinham uma remuneração média de 12.080 patacas (+2,1%). Havia na “produção e distribuição de electricidade, gás e água” 1.085 trabalhadores a tempo completo, descendo 1,5%, em termos anuais e a remuneração média foi de 30.550 patacas, menos 6,4%, devido aos trabalhadores de alguns estabelecimentos terem obtido mais remunerações relativas a trabalho extraordinário no mesmo trimestre do ano passado. Por fim, nas creches existiam 1.537 trabalhadores a tempo completo (+1,0%, em termos anuais), cuja remuneração média alcançou 16.390 patacas (-0,4%). Havia nos “serviços de idosos” 1.249 trabalhadores a tempo completo (+9,6%, em termos anuais), cuja remuneração média se fixou em 16.040 patacas (+1,2%). Nos ramos de actividade económica inquiridos, 344.524 participantes frequentaram cursos de formação fornecidos pelos estabelecimentos durante o primeiro trimestre deste ano, mais 19,4%, em termos anuais.

      Ponto Finalhttps://pontofinal-macau.com
      Redacção do Ponto Final Macau