Edição do dia

Terça-feira, 9 de Agosto, 2022
Cidade do Santo Nome de Deus de Macau
céu pouco nublado
27.9 ° C
27.9 °
26.9 °
83 %
5.1kmh
20 %
Seg
28 °
Ter
28 °
Qua
29 °
Qui
28 °
Sex
29 °

Suplementos

PUB
PUB
Mais
    More
      Início Sociedade Primeiro satélite de Macau “MSS-1” será lançado no fim deste ano

      Primeiro satélite de Macau “MSS-1” será lançado no fim deste ano

      O Centro dos Dados Aplicados e da Ciência de Satélite da Universidade de Ciência e Tecnologia de Macau (MUST) foi inaugurado no passado sábado como a primeira agência para a gestão integrada de dados de satélite sedeada em Macau. O projecto foi construída conjuntamente pelo Centro Nacional de Ciência Espacial da Academia Chinesa de Ciências e MUST, para o processamento, a análise e a aplicação de dados recolhidos pelo satélite científico “MSS-1” e “Satélite de Ciência de Macau”, alargando a produção de pesquisas científicas e promovendo as actividades de divulgação científica para os jovens de Macau.

      Gao Luhua, director-adjunto do Centro de Observação e Dados da Terra da Administração Espacial Nacional da China, disse que, segundo o plano, o satélite “MSS-1” será lançado em Dezembro deste ano e os dados do satélite serão recolhidos em Macau. A conclusão da construção e a inauguração do Centro dos Dados Aplicados e da Ciência de Satélite marcaram um passo significativo para o projecto do satélite artificial “MSS-1”.

      A fim de acelerar a cooperação entre o interior da China e Macau no âmbito da ciência e tecnologia espacial e promover o desenvolvimento da indústria aeroespacial de Macau, a Administração Espacial Nacional da China utilizará o projecto de satélite “MSS-1” como uma plataforma para aprofundar a cooperação com o Governo da RAEM no domínio aeroespacial, e para aumentar continuamente a amplitude e profundidade da participação em actividades espaciais de todos os sectores da comunidade de Macau.

      Wang Chi, director do Centro Nacional de Ciência Espacial da Academia Chinesa de Ciências, frisou no seu discurso que a criação conjunta do Centro dos Dados Aplicados e da Ciência de Satélite abriu um novo capítulo de cooperação entre o interior da China e Macau. A instituição cumprirá a missão de planeamento da exploração científica, gestão do processamento de dados, investigação e análise científica, e fornecerá uma forte garantia para a operação estratégica de satélites. No futuro, o Centro tornar-se-á numa plataforma de investigação integrada para melhorar a produção de resultados científicos e servir a investigação científica em acesso aberto, bem como uma base importante para a integração da ciência e educação em Macau e uma porta para o mundo da ciência e tecnologia espacial.

      Na ocasião, o Laboratório de Referência do Estado para a Ciência Lunar e Planetária da MUST apresentou o progresso do primeiro projecto de satélite científico de Macau, e anunciou que o satélite foi denominado por “Macau Student Science Satellite No.1” (“MSS-1”) e deverá ser lançado em órbita pela nave espacial de carga chinesa “Tianzhou-5” no final deste ano.

      D.C

       

      Ponto Finalhttps://pontofinal-macau.com
      Redacção do Ponto Final Macau