Edição do dia

Quarta-feira, 22 de Maio, 2024
Cidade do Santo Nome de Deus de Macau
chuva fraca
26.3 ° C
27.6 °
25.9 °
94 %
2.1kmh
40 %
Qua
26 °
Qui
27 °
Sex
27 °
Sáb
27 °
Dom
28 °

Suplementos

PUB
PUB
Mais
    More
      InícioCulturaSelos celebram 40.º aniversário da TDM e homenageiam Património Cultural de Macau

      Selos celebram 40.º aniversário da TDM e homenageiam Património Cultural de Macau

       

      Na conferência de imprensa realizada esta última sexta-feira no auditório da Direcção dos Serviços de Correios e Telecomunicações (CTT), foi anunciado o lançamento de uma série de novos selos, numa dupla comemoração que dá início hoje com o lançamento do selo especial em celebração ao 40.º aniversário da TDM – Teledifusão de Macau, e outros quatro selos em homenagem ao Património Cultural Intangível de Macau, com data de lançamento marcada para dia 17 de Maio. Para além desta nova emissão filatélica, os CTT abrirão um posto de correio temporário onde será possível recolher o novo carimbo comemorativo do Dia Mundial das Telecomunicações e da Sociedade da Informação.

       

      Foi anunciada esta sexta-feira passada, dia 10 de Maio, durante a conferência de imprensa realizada no auditório dos CTT, o lançamento de uma série nova de selos comemorativos e a abertura de um posto de correio temporário que irá disponibilizar um carimbo em sintonia com o Dia Mundial das Telecomunicações e da Sociedade de Informação.

      Em destaque está o 40.º aniversário da TDM, que é celebrado hoje e recebe um selo especial produzido pelos CTT, que leva o título “40.º Aniversário das Emissões de Televisão em Macau”, numa oportunidade filatélica inédita para os coleccionadores interessados e o público que quiser adquirir o novo design. O selo será posto à venda hoje na Estação Central, no Museu das Comunicações e na estação dos correios da Rua do Campo, durante a hora do expediente, que dá início às 9 da manhã, nos três locais.

      Foi neste dia, em 1984, que Macau viu aparecer o primeiro canal de televisão emitido e produzido pela TDM, com programas e notícias transmitidos na língua chinesa e portuguesa. Desde então tem sido uma plataforma de comunicação e informação indispensável para a comunidade, através dos seus canais que não só abrangem a televisão, mas também a rádio e as plataformas multimédia actuais.

      A TDM tem servido de ponte de comunicação entre o Governo e a população, tornando-se uma fonte importante para todos os assuntos públicos que ocorrem no território e presta apoio aos cidadãos na recepção de mais de 40 outros canais de televisão básicos. Em 2023, a TDM expandiu as suas emissões para o Delta do Rio das Pérolas, abrangendo agora uma população que chega aos cem milhões de espectadores e ouvintes. No início deste ano, foi inaugurada uma nova Redacção da TDM em Hengqin, que contribui significativamente para a cooperação entre as duas regiões, que tem vindo a ser de grande interesse para o processo de integração das mesmas.

      Com a abertura de um canal de satélite que abrange a região Ásia-Pacífico, a TDM passa a ter uma actividade internacional, desempenhando um papel importante na difusão das culturas chinesa e portuguesa, que, em conjunto com a modernização das suas plataformas digitais, poderá promover a cooperação entre a China e os Países de Língua Portuguesa, bem como destacar Macau na sua posição de “Um Centro, Uma Plataforma, Uma Base”.

      É em função destes últimos acontecimentos, em conjunto com a respeitável duração de suas transmissões, que esta emissão filatélica carrega um valor ainda mais pertinente para o público dedicado à colecção de selos e em especial neste 5.º tema de 2024 produzido pelos CTT sobre a TDM.

      O design do bloco desta emissão tem como autor Ma Kam Keong e a pagela que o acompanha leva um texto escrito pela própria TDM. Apresenta uma antena de transmissão na costa da Península de Macau com um emblema indicando os 40 anos de emissões. Será vendido em dois formatos, e se os interessados se dirigirem hoje aos postos de venda, levarão consigo os selos obliterados com um carimbo comemorativo exclusivo.

      Para além do lançamento de hoje, dia 17 de Maio será outro dia de interesse para os coleccionadores filatélicos. Os CTT organizam a abertura de um posto de correio temporário em comemoração ao “Dia Mundial das Telecomunicações e da Sociedade de Informação”, onde irá disponibilizar um carimbo comemorativo sobre o tema. O posto será instalado na Loja de Filatelia da Estação Central e ficará aberta das 9h00 às 17h30. Ao mesmo tempo será lançada outra remessa de selos comemorativos, mas que desta vez celebram o “Património Cultural Intangível de Macau”, numa emissão composta por um conjunto de quatro selos.

      A colecção visa evidenciar as diferentes manifestações das artes performativas, a multiculturalidade e diversidades de costumes populares presentes em Macau, bem como a conexão entre as culturas chinesa e portuguesa no decorrer da sua história.

      Entre os temas escolhidos para ilustrar os quatro selos, destacam-se a “Música Ritual Taoista” e o “Teatro em Patuá”, inscritos na “Lista Nacional de Itens Representativos do Património Cultural Intangível da China”, em 2011 e 2021, respectivamente. Os outros dois temas icónicos de Macau são a “A Dança Folclórica Portuguesa” e a “Percussão Baatyan”, que fazem parte do “Inventário do Património Cultural Intangível de Macau” de 2020.

      A acompanhar a emissão segue uma outra ilustração, destacada no bloco, onde foi apresentada outra manifestação de arte de representação, a “Ópera Cantonense”. Incluída na lista da UNESCO de 2009 como Património Cultural Intangível da Humanidade, o design realizado por Lei Tak Seng apresenta a famosa peça “A Morte Fragrante da Princesa”.

      A emissão será posta à venda na Estação Central, no Museu das Comunicações e na estação dos correios da Rua do Campo, durante a hora do expediente, que dá início às 9 da manhã, nos três locais.