Edição do dia

Segunda-feira, 17 de Junho, 2024
Cidade do Santo Nome de Deus de Macau
nuvens dispersas
27.9 ° C
29.9 °
27.9 °
94 %
4.6kmh
40 %
Dom
28 °
Seg
30 °
Ter
30 °
Qua
30 °
Qui
30 °

Suplementos

PUB
PUB
Mais
    More
      InícioSociedadeSessões de intercâmbio sobre segurança alimentar contou com mais de 340 participantes

      Sessões de intercâmbio sobre segurança alimentar contou com mais de 340 participantes

       

      O Instituto para os Assuntos Municipais (IAM) organizou ontem duas sessões de intercâmbio sobre segurança alimentar que contaram com a presença de mais de 340 representantes do sector hoteleiro, restauração, importação e fornecimento alimentar e os respectivos ramos.

      Nas sessões, os presentes trocaram ideias sobre os temas da implementação eficiente de orientações relativas à operação da segurança alimentar, prevenção de doenças transmitidas pelos alimentos, entre outros, com vista a promover a optimização do sistema de gestão interna da segurança alimentar e assegurar conjuntamente a imagem de “Cidade Criativa em Gastronomia”.

      Durante a manhã realizou-se o colóquio de intercâmbio do sector de produtos alimentares. Na ocasião, foram identificados e analisados os riscos que ameaçam a segurança e a higiene alimentar encontrados nas visitas organizadas pelo IAM, tendo sido alertado o sector para proceder a uma boa preparação da segurança alimentar antes da época alta do consumo do Verão, sem descuidar da segurança alimentar e higiene ambiental devido ao aumento do número de turistas.

      À tarde, realizou-se o colóquio de intercâmbio de experiências sobre a gestão da segurança alimentar do sector hoteleiro do território, onde se discutiram temas relacionados com o sistema interno de gestão de segurança alimentar das empesas, segurança de logística na cadeia de fornecimento, e prevenção de doenças transmitidas pelos alimentos.

      “O sector alimentar é uma parte importante envolvida no trabalho de segurança alimentar, pelo que o IAM continua a melhorar o trabalho de supervisão da segurança alimentar e a fornecer ao sector diversas formações educativas, apoios técnicos para construir, com o sector, um sistema de gestão de segurança alimentar de maior qualidade e elevar gradualmente o nível da segurança alimentar do território”, conclui o comunicado do IAM.

      Ponto Final
      Ponto Finalhttps://pontofinal-macau.com
      Redacção do Ponto Final Macau