Edição do dia

Segunda-feira, 17 de Junho, 2024
Cidade do Santo Nome de Deus de Macau
chuva fraca
28.1 ° C
29.9 °
27.9 °
94 %
3.6kmh
40 %
Seg
30 °
Ter
30 °
Qua
30 °
Qui
30 °
Sex
30 °

Suplementos

PUB
PUB
Mais
    More
      InícioSociedadeAlimentos pré-preparados como alternativa de futuro

      Alimentos pré-preparados como alternativa de futuro

      É a oportunidade que visa abrir novas oportunidades de cooperação para o sector de restauração entre Guangdong e Macau. Pelo menos é essa a expectativa e convicção da organização da Feira de Produtos de Marca da Província de Guangdong e Macau. A big health, o metaverso e o empreendedorismo também foram abordados no certame que terminou ontem.

      A Feira de Produtos de Marca da Província de Guangdong e Macau foi inaugurada na passada sexta-feira no Hall D da Cotai Expo do resort integrado The Venetian Macao, numa edição, virtual e presencial, que se concentrou na indústria de alimentos pré-preparados, anunciou o Instituto de Promoção do Comércio e do Investimento de Macau (IPIM) em nota de imprensa.

      Organizada em conjunto com os Serviços do Comércio da Província de Guangdong, a exposição esteve aberta ao público até ontem e visou “abrir novas oportunidades de cooperação para o sector de restauração entre Guangdong e Macau”. Este ano, foi acrescentada a “Zona de Exposição das Quatro Principais Indústrias”, além de fóruns temáticos e sessões de bolsas de contactos sobre as quatro principais indústrias, a restauração, o capital empreendedor e outros temas, para dar força às PMEs. “A feira proporcionou aos consumidores um óptimo destino de lazer e de compras, bem como constrói uma plataforma de contacto comercial física e virtual para as empresas participantes”, enfatizou o IPIM.

      Para ajudar as empresas expositoras a aproveitar a plataforma de convenções e exposições para explorar oportunidades de negócio, durante os três dias, o certame proporcionou sessões de bolsas de contactos, organizadas de forma física e virtual, bem como três sessões especiais, incluindo a “Sessão de Bolsas de Contactos MinM”, a “Sessão de Bolsas de Contactos para Produtos de Alimentos Pré-preparados” e a “Sessão de Bolsas de Contactos entre as Nove Cidades Continentais da Grande Baía e o Sector Industrial e Comercial de Macau”.

      Paralelamente, e à semelhança de anos anteriores, foram organizadas as “Visitas Guiadas à Feira para os Compradores da Grande Baía”, em que representantes de empresas de Guangdong e Macau nas áreas de restauração, comércio de alimentos e plataformas de comércio electrónico serão guiados a conhecerem as marcas de Guangdong e Macau e a conversarem com os expositores de Guangdong, de Macau e dos países abrangidos pela Iniciativa Uma Faixa, Uma Rota.

      Durante o evento, ocorreram ainda sete fóruns temáticos, que abordaram áreas como alimentos pré-preparados, bighealth, metaverso, capital empreendedor, desenvolvimento da indústria de restauração, entre outras. Foram, por isso, convidados representantes de empresas de toda a cadeia industrial alimentícia dos sectores a partilharem experiências. Por isso, produtores de alimentos pré-preparados, empresas de embalagens de produtos alimentares e empresas de tecnologia de informação de restauração inteligente, marcaram presença na feira e abordaram “perspectivas e tendências das indústrias através de uma série de fóruns, prestando ajuda ao sector da restauração no uso sensato das novas tecnologias, para explorar o seu caminho de inovação e transformação”.

      Por último, nos salões de exposições online, cerca de 1.500 produtos de 20 municípios de Guangdong, da RAEM e dos países/regiões abrangidos pela iniciativa Uma Faixa, Uma Rota fizeram as delícias de quem ali chegou virtualmente.

      A feira em formato físico contou com 400 stands que exibiram e venderam produtos variados que vão desde osalimentos pré-preparados a produtos de criatividade cultural, passando pela inovação científica e tecnológica, electrodomésticos ou acessórios de joalharia, entre outros.