Edição do dia

Segunda-feira, 16 de Maio, 2022
Cidade do Santo Nome de Deus de Macau
nuvens dispersas
19.9 ° C
20.5 °
19.9 °
88 %
6.7kmh
40 %
Seg
21 °
Ter
24 °
Qua
25 °
Qui
25 °
Sex
26 °

Suplementos

PUB
PUB
Mais
    More
      Início Grande China China intensifica controlo sobre importações de alimentos da cadeia fria para evitar...

      China intensifica controlo sobre importações de alimentos da cadeia fria para evitar infecções

      A China intensificará as medidas de controlo sobre alimentos e produtos agrícolas da cadeia fria importados para evitar a propagação da COVID-19 através de pontos de entrada, disse um funcionário aduaneiro. Ni Yuefeng, chefe da Administração Geral das Alfândegas (AGA), disse que o país “monitorará e testará rigorosamente alimentos e produtos agrícolas da cadeia fria e mercadorias dos contentores de cadeia fria de alto risco importados”, em declarações publicadas no Diário do Povo Online.

      A China detectou recentemente infecções importadas relacionadas a produtos de cadeia fria ou correio internacional, e a variante Omicron que actualmente domina a disseminação global também representa uma ameaça crescente para o país.

      As empresas envolvidas na carga que testarem positivo para a COVID-19 enfrentarão medidas restritivas, incluindo a suspensão dos seus negócios de importação, disse Ni Yuefeng.

      A alfândega encontrou no ano passado 550 espécimes positivos de COVID-19 através de inspecções aleatórias sobre alimentos e produtos agrícolas de cadeia fria, cancelou ou suspendeu a qualificação de importação de 884 empresas, e supervisionou desinfecção preventiva de 1,15 milhão de toneladas de mercadorias.

      Numa reunião da passada segunda-feira, Ni Yuefeng também enfatizou a desinfecção de voos de entrada e outros meios de transporte de alto risco, e a quarentena para pessoas relacionadas, incluindo tripulação aérea e de navios.

      Ponto Finalhttps://pontofinal-macau.com
      Redacção do Ponto Final Macau