Edição do dia

Quinta-feira, 23 de Maio, 2024
Cidade do Santo Nome de Deus de Macau
nuvens dispersas
25.8 ° C
25.9 °
24.9 °
89 %
3.1kmh
40 %
Qui
26 °
Sex
26 °
Sáb
26 °
Dom
28 °
Seg
29 °

Suplementos

PUB
PUB
Mais
    More
      InícioGrande ChinaMacron abordou com Xi Jinping questões relacionadas com os direitos humanos

      Macron abordou com Xi Jinping questões relacionadas com os direitos humanos

      O Presidente francês, Emmanuel Macron, discutiu com o seu homólogo chinês, Xi Jinping, questões relacionadas com os direitos humanos, em particular “um certo número de casos individuais”, informou ontem a presidência francesa.

      No segundo dia da visita de Estado de Xi Jinping a França foi divulgado pelo Eliseu (presidência francesa) que “o Presidente levantou ontem [segunda-feira] a questão dos direitos humanos e manifestou a sua preocupação relativamente a esta questão e a alguns casos individuais”. “Estamos a discutir o assunto entre nós e estamos a verificar os resultados com vista à eficácia”, divulgou o gabinete presidencial, no dia em que os dois chefes de Estado se deslocaram à zona dos Pirenéus. Antes da chegada de Xi Jinping, Macron tinha feito saber que preferia discutir questões sensíveis “à porta fechada”.

      Em França, a situação dos tibetanos e dos uigures tem suscitado fortes reacções, designadamente por Raphaël Glucksmann, cabeça-de-lista do Partido Socialista às eleições europeias de Junho. Os direitos humanos foram abordados no primeiro dia da visita de Xi Jinping, na véspera da deslocação aos Pirineús, onde os dois Presidentes e as suas mulheres almoçaram num restaurante na subida de Tourmalet, uma das etapas mais destacadas da Volta à França em bicicleta.

      O Eliseu comentou ainda que o programa desta terça-feira permitiu “manter um diálogo simultaneamente amigável, mas também muito franco”. “Poucos líderes no mundo têm esta oportunidade de trocar impressões com o Presidente Xi Jinping”, acrescentou a presidência francesa, sublinhando a “relação especial” que Emmanuel Macron estabeleceu com Xi Jinping.

      Macron fez questão de convidar o homólogo chinês para visitar o desfiladeiro de Tourmalet, perto da fronteira espanhola, onde o governante francês visitava a sua avó. Este foi um gesto recíproco, depois de Xi ter levado Macron, no ano passado, à residência do governador da província de Guangdong, onde o pai do Presidente chinês tinha vivido.

      Antes do almoço, protegidos das intempéries por guarda-chuvas, os Presidentes assistiram a um espetáculo de dança folclórica tradicional e foram vistos a comer presunto e tarte de mirtilo, entre outras especialidades locais.

      Macron ofereceu a Xi uma camisola amarela da Volta à França, uma manta de lã feita nos Pirenéus e uma garrafa de Armagnac, segundo a emissora francesa BFMTV.

      Ponto Final
      Ponto Finalhttps://pontofinal-macau.com
      Redacção do Ponto Final Macau