Edição do dia

Sábado, 25 de Maio, 2024
Cidade do Santo Nome de Deus de Macau
nuvens dispersas
26.4 ° C
28.2 °
25.9 °
94 %
4.1kmh
40 %
Sáb
27 °
Dom
26 °
Seg
27 °
Ter
29 °
Qua
25 °

Suplementos

PUB
PUB
Mais
    More
      InícioEconomiaÍndice de preços turísticos subiu 4,68% no primeiro trimestre

      Índice de preços turísticos subiu 4,68% no primeiro trimestre

      O índice de preços turísticos, que reflecte a variação dos preços dos bens e serviços adquiridos pelos visitantes em Macau, subiu, no primeiro trimestre deste ano, 4,68% em termos anuais para 144.68.

      Segundo a Direcção dos Serviços de Estatística e Censos (DSEC), este crescimento deve-se sobretudo ao aumento dos preços dos quartos de hotel, vestuário e da joalharia.

      Contudo, diz a DSEC, o decréscimo de preços dos fogos-de-artifício e dos panchões compensou parte do crescimento. De entre os índices de preços das secções de bens e serviços, os índices de preços das secções do vestuário e calçado, do alojamento e dos bens diversos aumentaram 9,17%, 8,35% e 6,54%, respectivamente, em termos anuais, pelo contrário, o índice de preços da secção do divertimento e actividades culturais baixou 15,29%.

      Comparando o primeiro trimestre deste ano com o trimestre anterior, o índice de preços turísticos diminuiu 3,85%. Os índices de preços das secções do divertimento e actividades culturais, bem como do alojamento, desceram 15,98% e 11,98%, respectivamente, em termos trimestrais, graças ao decréscimo de preços tanto dos fogos de artifício e dos panchões, como dos quartos de hotel. Por seu turno, os índices de preços das secções dos medicamentos e bens de uso pessoal e dos bens diversos subiram 2,87% e 2,02%, em termos trimestrais.

      O índice de preços turísticos médio dos quatro trimestres terminados no trimestre de referência, em relação aos quatro trimestres imediatamente anteriores, aumentou 17,57%. O índice de preços da secção do alojamento cresceu significativamente 95,64%. Os índices de preços das secções do divertimento e actividades culturais (+8,09%), do vestuário e calçado (+7,96%) e dos bens diversos (+5,07%) também registaram acréscimos.

      Ponto Final
      Ponto Finalhttps://pontofinal-macau.com
      Redacção do Ponto Final Macau