Edição do dia

Domingo, 14 de Abril, 2024
Cidade do Santo Nome de Deus de Macau
nuvens dispersas
26.5 ° C
28.9 °
25.9 °
89 %
3.1kmh
40 %
Dom
27 °
Seg
27 °
Ter
27 °
Qua
27 °
Qui
28 °

Suplementos

PUB
PUB
Mais
    More
      InícioPolíticaRegistados mais de 17 mil titulares de cartão de registo de avaliação...

      Registados mais de 17 mil titulares de cartão de registo de avaliação da deficiência

      Na reunião plenária de ontem, Elsie Ao Ieong também fez saber que, até 31 de Dezembro do ano passado, havia um total de 17.146 titulares do cartão de registo de avaliação da deficiência válido. A informação surgiu em resposta a uma interpelação oral do deputado Ho Ion Sang, que pedia que os serviços de reabilitação fossem aperfeiçoados.

      Este cartão tem como objectivo permitir que serviços públicos, empresas de utilidade pública e sociedades comerciais proporcionem às pessoas com deficiência benefícios e medidas de facilitação, designadamente descontos, serviços prioritários, serviço de empréstimo de equipamentos auxiliares, no sentido de ampliar a finalidade de utilização e a aceitação do referido cartão e, ao mesmo tempo, promover vários sectores sociais a manifestarem a sua preocupação com as pessoas com deficiência e a apoiarem a sua integração na sociedade.

      “Actualmente, já na 3.ª fase da implementação do programa, continua-se a promover e a actualizar as entidades colaboradoras”, afirmou a secretária, acrescentando que, até agora, “o número de entidades participantes neste programa é de cerca de 190, abrangendo serviços públicos, entidades de utilidade pública, estabelecimentos médicos e educativos, empresas de telecomunicações, lojas de roupas, venda a retalho de artigos para uso diário, bancos e hotéis, entre outras. Por outro lado, no 4.º trimestre do ano passado, o Instituto de Acção Social já recolheu informações junto dos serviços e instituições envolvidas para efeitos de actualização e posterior divulgação das informações sobre benefícios e medidas de facilitação ao público após a sua conclusão.

      A governante assinalou também que o Governo tem incentivado o emprego das pessoas com deficiência e sugerem às empresas que ofereçam oportunidades às pessoas com deficiência através de programas da Direcção dos Serviços para os Assuntos Laborais.