Edição do dia

Domingo, 21 de Abril, 2024
Cidade do Santo Nome de Deus de Macau
aguaceiros fracos
23.9 ° C
23.9 °
22.9 °
88 %
5.1kmh
40 %
Sáb
26 °
Dom
27 °
Seg
26 °
Ter
26 °
Qua
27 °

Suplementos

PUB
PUB
Mais
    More
      InícioSociedadeOperação preventiva de Inverno dos SPU resultou em quase 1.300 detenções

      Operação preventiva de Inverno dos SPU resultou em quase 1.300 detenções

      Os Serviços de Polícia Unitários (SPU) realizaram, entre os dias 22 de Janeiro e 18 de Fevereiro, uma operação preventiva de Inverno. Para tal, foram mobilizados 7.317 agentes policiais. Esta operação resultou em quase 25 mil pessoas identificadas e quase 1.300 detenções.

       

      Os Serviços de Polícia Unitários (SPU) coordenaram o Corpo de Polícia de Segurança Pública (CPSP) e a Polícia Judiciária (PJ), bem como contaram com a colaboração dos Serviços de Alfândega (SA), na realização da Operação Preventiva de Inverno 2024, que decorreu entre os dias 22 de Janeiro e 18 de Fevereiro.

      Num comunicado divulgado ontem, os SPU indicaram que, para esta operação, foram mobilizados 7.317 agentes policiais na realização das 672 operações policiais. Foram identificados 24.302 indivíduos, dos quais 1.288 foram conduzidos à polícia para efeitos de averiguações. No âmbito desta operação, houve ainda 664 expulsos de Macau.

      De entre os quase 1.300 detidos, 349 indivíduos foram encaminhados ao Ministério Público para efeitos de acusação por cometimento de crimes relacionados com usura (35 indivíduos), drogas (sete), furto (45), burla (72), entre outros. Além disso, 14 indivíduos foram interceptados em cumprimento de mandados de captura e detenção emitidos pelos órgãos judiciários, dentro dos quais três foram enviados para o estabelecimento prisional para cumprimento de pena imediata. Ainda neste âmbito, foram interceptados 271 indivíduos envolvidos em troca ilícita de dinheiro, dois indivíduos relacionados com empréstimo ilegal e 14 indivíduos relacionados com a prática de prostituição.

      No comunicado, os SPU destacam ainda que, durante a operação, os SA desencadearam acções de combate ao contrabando, imigração ilegal e contrafacção. Em cooperação com os serviços aduaneiros do interior da China, os SA participaram ainda na “Operação conjunta no período primaveril”, a fim de combater, em conjunto, as actividades de tráfico ilícito e manter a ordem e segurança marítima. Nesta operação, os SA mobilizaram 34 embarcações de patrulhamento, acusaram 181 indivíduos nos termos da lei do comércio externo e apreenderam produtos cosméticos, carne, bebidas alcoólicas, cigarros, produtos electrónicos novos/usados, plantas em risco de extinção, entre outros.

      Fazendo um balanço, os SPU dizem que esta operação de Inverno “alcançou os resultados previstos e a situação da segurança de Macau no cômputo geral manteve-se estável”.

      “Graças à colaboração dos residentes e dos turistas, as medidas policiais foram implementadas de forma eficaz”, lê-se na nota, concluindo que, “com o aumento significativo do número de entradas e saídas de passageiros nos postos fronteiriços e a intensificação da movimentação de pessoas e de veículos em Macau, a polícia continuará atenta à situação e aos riscos de segurança, desencadeando operações preventivas e de combate em conformidade com a evolução da conjuntura de segurança, a fim de assegurar a ordem e tranquilidade públicas de Macau”.