Edição do dia

Quarta-feira, 28 de Fevereiro, 2024
Cidade do Santo Nome de Deus de Macau
nuvens dispersas
15.9 ° C
18.9 °
15.9 °
77 %
2.1kmh
40 %
Qua
20 °
Qui
21 °
Sex
17 °
Sáb
15 °
Dom
20 °

Suplementos

PUB
PUB
Mais
    More
      Início Sociedade Autoridade de Aviação quer ligação ao sistema nacional de gestão de tráfego

      Autoridade de Aviação quer ligação ao sistema nacional de gestão de tráfego

      Na passada quinta e sexta-feira, dias 10 e 11 de Agosto, as três principais autoridades gestoras do tráfego aéreo da região reuniram-se em Macau, naquela que foi a primeira reunião presencial desde o fim das restrições pandémicas. Na reunião do grupo de trabalho técnico de gestão do tráfego tripartido entre o interior da China, Hong Kong e Macau, fez-se o ponto de situação da administração e discutiu-se medidas para optimizar o tráfego aéreo no Delta do Rio das Pérolas.

      A Autoridade de Aviação Civil da China, a Autoridade de Aviação Civil de Macau (AACM) e o Departamento de Aviação Civil da Região Administrativa Especial de Hong Kong, para além de apresentarem o progresso dos trabalhos de gestão do tráfego aéreo, focaram-se no tema do sistema nacional de gestão de tráfego e respectivo mecanismo de cooperação com Hong Kong e Macau: actualmente, já existe no Aeroporto Internacional de Macau um “Sistema de Decisão Colaborativa do Aeroporto”, que permite que as operadoras locais façam a gestão do estado dos voos, do fluxo de tráfego e da meteorologia, entre outros dados. Assim, é possível tomar decisões operacionais mais rápidas, esclareceu a entidade aviadora em comunicado.

      Na reunião, a AACM manifestou o seu desejo de que o referido mecanismo de cooperação possa ligar-se ao sistema nacional de gestão de tráfego através do Aeroporto Internacional de Macau, e assim reduzir ao máximo as actuais operações de pedido de autorização de passagem através do diálogo de voz mediante a passagem unificada. Assim, seria possível simplificar a coordenação do controlo aéreo, e aumentar a eficiência da utilização do espaço aéreo do Delta do Rio das Pérolas, sustentou.

      Em articulação com o desenvolvimento das “Linhas Gerais do Planeamento para o Desenvolvimento da Grande Baía Guangdong-Hong Kong-Macau”, as três partes pretendem continuar a reunir de forma regular, manter uma comunicação estreita e, ainda no âmbito da gestão de tráfego, explorar a aplicação da tecnologia digital no mercado de transporte aéreo internacional, promovendo e implementando, de forma contínua, o projecto de optimização do controlo de tráfego aéreo, referiu ainda o mesmo comunicado.

      A reunião teve lugar nas instalações da AACM. Os representantes das três partes aproveitaram ainda a visita ao Aeroporto Internacional de Macau para conhecer as infraestruturas mais recentes, e ver a forma como se procedeu ao recomeço dos voos após a epidemia.

       

      Ponto Finalhttps://pontofinal-macau.com
      Redacção do Ponto Final Macau