Edição do dia

Segunda-feira, 17 de Junho, 2024
Cidade do Santo Nome de Deus de Macau
nuvens dispersas
27.9 ° C
29.9 °
27.9 °
94 %
4.6kmh
40 %
Dom
28 °
Seg
30 °
Ter
30 °
Qua
30 °
Qui
30 °

Suplementos

PUB
PUB
Mais
    More
      InícioDesportoFábio Abreu confiante que Beijing Guoan vai conseguir melhorar classificação

      Fábio Abreu confiante que Beijing Guoan vai conseguir melhorar classificação

      O avançado luso-angolano Fábio Abreu disse ontem, na chegada à China, estar confiante que o Beijing Guoan, equipa pela qual assinou contrato de ano e meio, vai conseguir ascender na classificação na superliga chinesa.

      “Ainda há muito campeonato pela frente”, disse o avançado, de 30 anos, à agência Lusa, expressando confiança nas capacidades do treinador português Ricardo Soares, com quem trabalhou no Moreirense, na época 2019/2020, e que volta agora a encontrar em Pequim. “No Moreirense, começamos mal e após o mister Ricardo Soares pegar na equipa conseguimos recuperar e quase fomos à Liga Europa”, recordou. “Quando tens um treinador que sabe o que está a fazer, tens uma equipa que gosta de aprender e quer fazer mais, isso ajuda muito”, vincou.

      O Beijing Guoan, a principal equipa de Pequim, ocupa actualmente o sexto lugar da prova máxima do futebol na China, a 15 pontos do primeiro e a nove do segundo.

      Abreu chega ao país asiático após duas épocas na Arábia Saudita e uma época nos Emirados Árabes Unidos. “Eu gosto de experimentar coisas novas: Não tenho medo, gosto de arriscar”, frisou.

      Sobre as expectativas de viver na China, um país à partida culturalmente distante das suas raízes, o jogador garantiu vir com a “mente aberta”. “Quando vamos para fora não podemos pensar: este país tem que ser igual ao nosso”, sublinhou. “Vou fazer certamente o esforço para aprender chinês. Não quero ficar na minha bolha”, garantiu.

      Nascido em Lisboa, Fábio Abreu foi viver com seis anos para a cidade de Manchester, em Inglaterra. Aos 18 anos, voltou a Portugal, para jogar no Marítimo.

      Na sua última época no Moreirense, o jogador marcou 15 golos em 36 jogos. Em duas épocas no Al-Batin, na Arábia Saudita, o avançado somou 28 golos, num total de 60 jogos. O ano passado fez seis golos, em 16 jogos disputados pelo Khorfakkan, dos Emirados Árabes Unidos.

      Com 30 anos, o avançado assegurou: “Não estou mais velho, estou mais experiente”. Fábio Abreu disse estar à espera da mulher e dos filhos para ir visitar os pontos turísticos de Pequim. “Quero muito ir à Grande Muralha: já ouço falar desde que sou pequeno”, apontou. “Mas vou esperar pela família primeiro”, ressalvou. “Já sei, se for primeiro, depois vai ser guerra em casa”.

      Ponto Final
      Ponto Finalhttps://pontofinal-macau.com
      Redacção do Ponto Final Macau