Edição do dia

Terça-feira, 25 de Junho, 2024
Cidade do Santo Nome de Deus de Macau
chuva moderada
34.3 ° C
34.3 °
34.3 °
77 %
6.1kmh
90 %
Ter
34 °
Qua
30 °
Qui
30 °
Sex
30 °
Sáb
30 °

Suplementos

PUB
PUB
Mais
    More
      InícioEconomiaCheques do Governo chegam a partir de amanhã  

      Cheques do Governo chegam a partir de amanhã  

       

      Entre 4 de Julho e 4 de Agosto vão ser entregues as tão esperadas comparticipações financeiras, com a Direcção dos Serviços de Finanças a fazer a atribuição das 6 mil e 10 mil patacas de forma faseada. Os depósitos bancários começam no dia 4, ao passo que os cheques só vão ser enviados no dia 11. Quer no caso das transferências bancárias ou do envio de cheques, os residentes idosos são os primeiros, e as crianças as últimas a receber.

       

      Os Serviços de Finanças (DSF) vão começar a distribuir os pagamentos de comparticipação pecuniária a partir de amanhã, terça-feira, 4 de Julho. Durante este mês será feita uma atribuição faseada dos pagamentos através de transferências bancárias e do envio postal de cheques cruzados. Recorde-se que apenas as pessoas que tenham registo da conta bancária nos serviços sociais para habituais transferências de subsídios ou pensões, ou devoluções de impostos das finanças, é que vão receber a comparticipação pecuniária por transferência bancária.

      A calendarização para as transferências bancárias já foram anunciadas: no dia 4, para beneficiários de subsídios para idosos e funcionários aposentados que recebam pensão; no dia 5, para beneficiários de apoio económico do Instituto de Acção Social (IAS); no dia 6, para beneficiários que recebem subsídio de invalidez, ou qualquer residente que tenha feito o registo de qualquer pagamento da DSF através de depósito na conta; e dia 7 é a vez do pessoal docente e alunos que recebem subsídio ou bolsa de estudo.

      Durante o resto do mês de Julho, os trabalhadores da função pública que não estão registados na DSF para recebimento de impostos ou outros pagamentos, vão receber a comparticipação do Governo juntamente com o vencimento do mês de Julho.

      Quanto aos cheques cruzados, estes serão enviados por via postal a todos os maiores de idade e menores que ainda não têm registo na DSF, sendo que no caso dos menores de idade, o cheque fica emitido à ordem também do nome dos pais e pode ser depositado tanto na conta da criança ou adolescente, ou dos pais. Recorde-se que os cheques estão associados à morada declarada nos Serviços de Identificação. As autoridades recomendam que se actualize a morada, se ela entretanto foi alterada. Pode-se mudar a morada na página electrónica da comparticipação pecuniária, no portal da conta única, ou directamente com a DSI.

      Quem vai receber cheques tem de esperar mais uma semana, sendo que as pessoas mais velhas, nascidas até 1970, recebem o cheque entre o dia 11 e 14, os nascidos entre 1971 e 1993 vão poder ir buscar o cheque ao correio entre os dias 17 e 21, os residentes que nasceram entre 1994 e 2011, entre os dias 24 e 28, e por últimos os mais novos, nascidos entre 2012 e 2022, terão o cheque disponível entre 31 de Julho e 4 de Agosto.

      Este ano as comparticipações de 10 mil patacas serão atribuídas a 708.041 residentes permanentes, e as de 6 mil patacas a 35.347 residentes não permanentes. É possível consultar o andamento da atribuição da comparticipação pecuniária a partir de amanhã, através da página www.planocp.gov.mo, da aplicação ou página de acesso comum aos serviços públicos da RAEM, ou ainda presencialmente num dos 40 balcões de auto-atendimento da DSI distribuídos pela cidade.