Edição do dia

Terça-feira, 18 de Junho, 2024
Cidade do Santo Nome de Deus de Macau
nuvens dispersas
31.7 ° C
34.8 °
30.9 °
89 %
5.1kmh
40 %
Ter
32 °
Qua
31 °
Qui
30 °
Sex
30 °
Sáb
30 °

Suplementos

PUB
PUB
Mais
    More
      InícioEconomiaFuncionários públicos pedem aumento de salários e subsídios de trabalho para superar...

      Funcionários públicos pedem aumento de salários e subsídios de trabalho para superar a inflação  

       

      Os trabalhadores da função pública estão preocupados com a aceleração da inflação e a subida da taxa de juro, considerando que é agora o momento oportuno para o Governo dispor de um aumento de salários, uma vez que a economia local já verifica uma tendência de recuperação. A Federação das Associações dos Trabalhadores da Função Pública de Macau pediu um aumento salarial em 3,5% e que seja elevado o subsídio de família em cerca de mil patacas.

       

      A Federação das Associações dos Trabalhadores da Função Pública de Macau exortou o Governo a aumentar o salário dos funcionários públicos, que tinham sofrido congelamento salarial há três anos. A subida contínua do índice de preços é a razão principal para o pedido, e a associação espera assim que o Executivo autorize um ajuste de 3,5% no índice remuneratório da função pública.

      Tendo em consideração o regresso à normalidade das vidas da população depois das restrições epidémicas, a associação realizou recentemente uma recolha de opiniões dos trabalhadores da função pública, de forma a averiguar a situação de trabalho e os pedidos a apresentar ao Governo. Segundo a entidade, a maioria das opiniões manifestadas pelos membros está relacionada com os impactos da inflação na sua vida quotidiana.

      “A taxa de inflação tem variado, nos últimos três anos, entre 0,81% a 1,04%, e continuará a aumentar este ano. Embora o ponto percentual da inflação não seja alto, há uma lacuna entre os dados estatísticos e o sentimento dos cidadãos, e acredita-se que a inflação já ultrapassou os 3% desde a Covid-19”, explicou Pang Kung Hou, presidente da Direcção da Federação das Associações dos Trabalhadores da Função Pública.

      Citado pelo Jornal do Cidadão, Pang Kung Hou referiu as informações do Governo e destacou que, desde o início do ano, a taxa de desemprego registou uma diminuição significativa e a pressão no ambiente do mercado de emprego abrandou, estando a economia a recuperar a bom ritmo.

      “Tomando como referência as regiões vizinhas, em resposta à inflação, os funcionários públicos receberam aumentos salariais de 2,87% a 4,65%”, frisou a associação, sugerindo que as autoridades procedam, no ano que vem, a um ajustamento de 3,5% do índice de vencimentos da Administração Pública, “a fim de compensar o poder de compra e estimular a moral dos funcionários públicos”.

      Pang Kung Hou, além disso, destacou que os trabalhadores da função pública se dedicaram a lutar contra a pandemia e ajudar a comunidade de Macau a ultrapassar os tempos difíceis nos últimos três anos, “o que é muito apreciado e reconhecido pela sociedade, mas os elogios continuaram a ser verbais ou sob a forma de um certificado de grupo, sem qualquer recompensa concreta”, criticou.

      Alertando que a pressão financeira não é um problema novo na sociedade, a associação lembrou que vários deputados da Assembleia Legislativa tinham questionado o Governo para aliviar os impactos da inflação e do aumento da taxa de juro, solicitando que controlasse os preços e introduzisse medidas de apoio à população.

      Nesse aspecto, a entidade propõe também aumentar os subsídios dos funcionários públicos, em particular o subsídio de família, uma vez que “a taxa de natalidade de Macau tem vindo a diminuir nos últimos anos, a criação e educação das crianças implicam enormes despesas e o envelhecimento da sociedade também é um fardo para a maioria das famílias”.

      É sugerido que o Governo aumente 10 pontos do índice remuneratório do subsídio de família, o que equivale a 910 patacas, com vista a aliviar a pressão da vida familiar dos trabalhadores da função pública.

      Recorde-se que a última vez que os funcionários públicos beneficiaram de ajuste salarial foi no ano financeiro de 2020, que previu um aumento do valor do índice salarial de 88 patacas para 91 patacas.