Edição do dia

Sábado, 22 de Junho, 2024
Cidade do Santo Nome de Deus de Macau
nuvens dispersas
30.9 ° C
31.9 °
30.9 °
79 %
4.1kmh
40 %
Sáb
31 °
Dom
30 °
Seg
30 °
Ter
30 °
Qua
30 °

Suplementos

PUB
PUB
Mais
    More
      InícioGrande ChinaLi Qiang e Olaf Scholz em consultas germano-chinesas centradas nas questões económicas

      Li Qiang e Olaf Scholz em consultas germano-chinesas centradas nas questões económicas

       

      O chanceler alemão, Olaf Scholz, e o primeiro-ministro chinês, Li Qiang, vão presidir na próxima semana às consultas intergovernamentais germano-chinesas, que terão um forte enfoque económico e serão acompanhadas por um encontro com empresários de ambos os países.

      O objectivo das consultas é manter “um intercâmbio produtivo” com o gigante asiático, disse o porta-voz adjunto do Governo alemão, Wolfgang Büchner, ao anunciar oficialmente a visita de Li Qiang.

      As consultas bilaterais ocorrerão terça-feira, mas serão precedidas, segunda-feira, por um jantar de trabalho entre os dois líderes, altura em que o Presidente alemão, Frank-Walter Steinmeier, já terá recebido Li Qiang. Terça-feira, o primeiro-ministro chinês será formalmente recebido com honras militares, seguindo-se as reuniões ministeriais.

      O porta-voz adjunto de Scholz não especificou os pormenores da ordem de trabalhos nem o número de ministros que participarão nas reuniões, uma vez que, explicou, o programa está ainda “a ser elaborado”.

      O porta-voz adiantou que os dois dirigentes deverão comparecer perante os meios de comunicação social no final das consultas. No entanto, não foi especificado se haverá também uma conferência de imprensa com a ministra dos Negócios Estrangeiros, Annalena Baerbock, que representa a linha mais crítica em relação à China no seio do Governo tripartido de Scholz, composto por sociais-democratas, ecologistas e liberais.

      O chanceler alemão tem defendido a nível da Alemanha, do Grupo dos Sete Países Mais Industrializados do Mundo (G7) e da União Europeia (UE), a necessidade de não se “desvincular” economicamente da China.

      Após as reuniões em plenário ou a nível dos respetivos ministros das consultas, haverá um encontro com empresários, que contará com a presença do vice-chanceler e ministro da Economia e da Proteção do Clima, o ambientalista Robert Habeck, do lado alemão.

      A deslocação de Li Qiang à Alemanha faz parte de um périplo pela Europa, a que se seguirá uma visita a França, tal como já tinha sido noticiado por fontes governamentais chinesas. Em Paris, o primeiro-ministro chinês participará na Cimeira para um Novo Pacto Financeiro Global, promovida pelo Presidente francês.

      A digressão europeia de Li Qiang coincide com uma viagem à China do secretário de Estado norte-americano, Antony Blinken, que chegou ontem a Pequim para tentar desanuviar as crescentes tensões bilaterais do último ano.

      Ponto Final
      Ponto Finalhttps://pontofinal-macau.com
      Redacção do Ponto Final Macau