Edição do dia

Segunda-feira, 17 de Junho, 2024
Cidade do Santo Nome de Deus de Macau
chuva fraca
28.1 ° C
29.9 °
27.9 °
94 %
3.6kmh
40 %
Seg
30 °
Ter
30 °
Qua
30 °
Qui
30 °
Sex
30 °

Suplementos

PUB
PUB
Mais
    More
      InícioPolíticaHo Ion Sang pede reforço no apoio aos cuidadores e pede revisão...

      Ho Ion Sang pede reforço no apoio aos cuidadores e pede revisão da política relevante

       

      O Governo deve proceder a uma revisão abrangente de forma a melhorar as medidas de assistência aos cuidadores em Macau, defende o deputado Ho Ion Sang, reconhecendo a urgência de fazer face ao problema de aumento de número de pessoas que necessitam de cuidados em Macau, bem como a tendência de cuidadores idosos.

      O deputado da Assembleia Legislativa, Ho Ion Sang, recordou que em Macau verifica-se actualmente um grande número de portadores de deficiência, idosos e alunos com necessidades educativas especiais que precisam de serviços de cuidados na sua vida quotidiana.

      “À medida que o envelhecimento da sociedade em Macau se intensifica, o fenómeno de ‘idosos e pessoas com deficiências que cuidam uns dos outros’ está a tornar-se cada vez mais comum, e o reforço do apoio aos cuidadores é muito importante”, abordou o legislador.

      Numa interpelação escrita remetida ao Governo, Ho Ion Sang realçou que a inflação e aumento das despesas diárias estão a aumentar, de forma invisível e gradualmente, a pressão dos cuidadores, o pagamento de medicamentos e equipamentos de cuidados médicos são também a maior fonte de gastos das famílias cuidadores.

      O deputado considera assim ser necessário alargar o escopo dos destinatários subsidiados do Projecto-Piloto do Subsídio para Cuidadores. Segundo Ho Ion Sang, tendo em conta que as pessoas portadoras de deficiência intelectual são geralmente mais propensas ao envelhecimento prematuro, o subsídio deve ser atribuído ainda aos cuidadores de pessoas portadoras de deficiência intelectual de grau intermédio ou leve, bem como famílias com crianças com necessidades de educação especial.

      Por outro lado, foi sugerido também que se desenvolva uma política abrangente de cuidador, de forma a promover o conceito do “cuidado universal para idosos e portadores de deficiência” e permitir que toda a população tenha conhecimento sobre os serviços de cuidados. Ho Ion Sang espera ainda que o Governo possa fornecer mais serviços de apoio, formação e aconselhamento psicológico para cuidadores, bem como estabeleça uma linha directa de 24 horas de apoio aos cuidadores, para disponibilizar aos cuidadores consulta imediata, apoio de emergência e serviços médicos de proximidade.