Edição do dia

Segunda-feira, 17 de Junho, 2024
Cidade do Santo Nome de Deus de Macau
chuva fraca
28.1 ° C
29.9 °
27.9 °
94 %
3.6kmh
40 %
Seg
30 °
Ter
30 °
Qua
30 °
Qui
30 °
Sex
30 °

Suplementos

PUB
PUB
Mais
    More
      InícioSociedade"População terá de aceitar a Covid-19 como qualquer outra doença respiratória", dizem...

      “População terá de aceitar a Covid-19 como qualquer outra doença respiratória”, dizem autoridades

      Depois de três anos de fortes restrições no território devido à Covid-19, agora as autoridades de Saúde dizem que a população deve encarar o novo coronavírus como uma doença respiratória comum. À margem da participação no programa Fórum Macau, da Rádio Macau em língua chinesa, Chang Tam Fei, chefe substituto da Delegação do Serviço de Urgência do Centro Hospitalar Conde de São Januário, afirmou que “a população terá de aceitar a Covid-19 como qualquer outra doença respiratória”. Além disso, citado pela emissora chinesa, o responsável disse que as pessoas com Covid-19 com sintomas leves não se devem deslocar ao hospital apenas para obter um atestado de baixa.

      Chang Tam Fei referiu também que, quando se registou um surto em Macau em Dezembro do ano passado, os residentes só tinham de comunicar um teste positivo para receberem cinco dias de baixa por doença, uma vez que ainda era necessário o isolamento domiciliário para abrandar a propagação da doença; “mas agora a situação é completamente diferente, uma vez que a maioria das pessoas já foi infectada e há tempo suficiente para tomar precauções, tendo a taxa de doenças graves e de mortes diminuído”. Assim, cabe ao médico determinar quantos dias de baixa por doença são necessários ou, se uma empresa estiver preocupada com um eventual surto no local de trabalho, pode conceder licença por doença ao pessoal sem um atestado médico.

      Ponto Final
      Ponto Finalhttps://pontofinal-macau.com
      Redacção do Ponto Final Macau