Edição do dia

Domingo, 21 de Abril, 2024
Cidade do Santo Nome de Deus de Macau
chuva moderada
25.9 ° C
26.9 °
25.9 °
94 %
5.7kmh
40 %
Dom
25 °
Seg
25 °
Ter
25 °
Qua
25 °
Qui
29 °

Suplementos

PUB
PUB
Mais
    More
      InícioPolíticaGoverno e funcionários públicos respeitam três minutos de silêncio em homenagem a...

      Governo e funcionários públicos respeitam três minutos de silêncio em homenagem a Jiang Zemin

      O Governo e os principais titulares de cargos públicos de Macau vão observar três minutos de silêncio, amanhã, durante a cerimónia memorial em homenagem ao antigo Presidente da China Jiang Zemin.

      “Todos os funcionários públicos irão cumprir também os três minutos de silêncio e as sirenes das embarcações e as buzinas das viaturas do Governo irão soar durante três minutos, à mesma hora que na cerimónia memorial em homenagem” de Jiang Zemin, falecido na quarta-feira, de acordo com um comunicado do Gabinete de Comunicação Social.

      As cerimónias fúnebres do antigo Presidente chinês Jiang Zemin estão marcadas para as 10h, e vão realizar-se no Palácio do Povo, em Pequim.

      O Governo, dirigido por Ho Iat Seng, determinou ainda que “os titulares dos principais cargos da RAEM, os membros do Conselho Executivo e os dirigentes dos serviços públicos, assistam juntos à transmissão directa da cerimónia memorial, cumprindo três minutos de silêncio”. A transmissão directa da cerimónia memorial é assegurada pela Teledifusão de Macau (TDM).

      O Executivo determinou ainda que na terça-feira “todos os titulares dos cargos públicos do Governo” não vão participar “em actividades públicas de entretenimento e todas as actividades de entretenimento e de carácter celebrativo organizadas ou subsidiadas pelo Governo serão suspensas”.

      Por outro lado, as autoridades pediram a colaboração “das associações e de personalidades de todos os sectores” na suspensão de actividades de entretenimento e de celebração e na organização do pessoal para assistir à transmissão directa das cerimónias fúnebres e cumprir três minutos de silêncio, no dia da cerimónia memorial.

      Também a Direcção dos Serviços de Educação e de Desenvolvimento da Juventude vai coordenar com as instituições do ensino superior, não superior e do ensino infantil a colocação das bandeiras a meia haste amanhã e a suspensão de todas as celebrações.

      “As escolas devem organizar, de acordo com as suas condições, os professores e os alunos para que estes cumpram os três minutos de silêncio à mesma hora que na cerimónia memorial”, acrescentou.

      Numa declaração, divulgada na quarta-feira, Ho Iat Seng expressou “profundo pesar” pela morte de Jiang Zemin, aos 96 anos, lembrando que esteve no território por duas vezes na qualidade de Presidente da China: em 1999, para assistir à cerimónia de transferência do exercício da soberania, de Portugal para a China, no “momento histórico mais importante e notável de Macau” e, no ano seguinte, para as celebrações do primeiro aniversário da RAEM.

      Ponto Final
      Ponto Finalhttps://pontofinal-macau.com
      Redacção do Ponto Final Macau