Edição do dia

Domingo, 21 de Abril, 2024
Cidade do Santo Nome de Deus de Macau
chuva moderada
25.9 ° C
26.9 °
25.9 °
94 %
5.7kmh
40 %
Dom
25 °
Seg
25 °
Ter
25 °
Qua
25 °
Qui
29 °

Suplementos

PUB
PUB
Mais
    More
      InícioCulturaIC abre concurso público para abrir restaurante português nas Casas-Museu da Taipa

      IC abre concurso público para abrir restaurante português nas Casas-Museu da Taipa

      Um restaurante que promova a cultura portuguesa vai nascer numa das CasaMuseu da Taipa. O Instituto Cultural (IC) abriu o concurso público para a adjudicação da “Casa de Recepções” por arrendamento de dois anos. O espaço deverá também realizar exposições, actividades experimentais e ‘workshops’, por exemplo.

      O Governo publicou ontem em Boletim Oficial o anúncio de um concurso público para a adjudicação por arrendamento de uma das CasasMuseu da Taipa para abertura de um restaurante com características portuguesas. O Instituto Cultural (IC), que é o serviço responsável pela realização do processo do concurso, quer que o espaço tenha também exposições, ‘workshops’ e outras actividades.

      O IC quer que seja aberto, então, um “restaurante que promova a cultura portuguesa com características próprias de Macau e que possua elementos do património cultural intangível de Macau, através de fornecimento de alimentos e bebidas gourmet macaenses, em conjugação com o ambiente envolvente das Casas da Taipa”. O espaço também deverá ser usado para “vendas, exposições, actividades experimentais, workshops, entre outros”, lê-se no anúncio.

      O espaço em causa é o n.º 1 da Avenida da Praia na Taipa – a actual “Casa de Recepções” das Casas da Taipa. O prazo do arrendamento é de 48 meses e a renda base não está definida no despacho publicado ontem no Boletim Oficial. A caução provisória terá o valor de 20 mil patacas. Já a caução definitiva terá o valor de 40 mil patacas. O prazo de validade das propostas é de 90 dias a contar a partir da data do acto público do concurso.

      O IC estipula as seguintes condições de admissão: Os concorrentes devem estar inscritos na Direcção dos Serviços de Finanças e na Conservatória dos Registos Comercial e de Bens Móveis da RAEM; se for o concorrente empresário em nome individual, deve ser residente na RAEM, e no caso de sociedades comerciais, o respectivo capital social deve ser detido numa percentagem superior a 50% por residentes da RAEM, não sendo admitida a participação de consórcio. As propostas devem ser entregues até às 17h do dia 30 de Dezembro. A abertura das propostas acontece no dia 4 de Janeiro, no edifício do IC, no Tap Seac. Na próxima terça-feira, o IC vai realizar uma visita ao local, sendo que os interessados na concessão terão de se inscrever previamente.

      Para a atribuição do arrendamento, o IC vai ponderar factores como a renda, o plano de negócios apresentado pelos interessados, o projecto de planeamento do interior e a experiência do concorrente.

      Segundo o site do IC, actualmente, a “Casa de Recepções” das Casas-Museu da Taipa não está aberta ao público, sendo apenas um espaço reservado à realização de banquetes e eventos oficiais, por exemplo. As cinco Casas-Museu foram construídas em 1921, serviram em tempos como residências de funcionários públicos de categorias superiores, nomeadamente às famílias macaenses. Em 1992, foram reconhecidas como um complexo edificado de valor arquitectónico. Mais tarde, o Governo decidiu renovar as casas e transformá-las num sítio museológico, que abriu ao público em finais de 1999 como as “Casas-Museu da Taipa”.