Edição do dia

Sábado, 20 de Abril, 2024
Cidade do Santo Nome de Deus de Macau
trovoada com chuva
26.9 ° C
26.9 °
24.9 °
89 %
2.1kmh
40 %
Sáb
27 °
Dom
27 °
Seg
24 °
Ter
24 °
Qua
25 °

Suplementos

PUB
PUB
Mais
    More
      InícioCulturaAlbergue SCM apresenta seminário sobre identidade arquitectónica

      Albergue SCM apresenta seminário sobre identidade arquitectónica

      O académico e arquitecto chinês He Jingtang é o orador de um seminário sobre identidade arquitectónica a ter lugar no próximo dia 22 de Outubro, sábado, no Hall D1 do Albergue SCM, situado no bairro de São Lázaro, das 14h30 às 17h10.

      Organizado pelo Círculo dos Amigos da Cultura de Macau (CAC), o evento, falado em mandarim, procurará discutir que tipo de identidade e cultura arquitectónica poderemos ter num mundo cada vez mais global. A discussão seguirá em torno de três tópicos que passam pelo impacto dos edifícios públicos na qualidade urbana, pela teoria e estratégia arquitectónica com características chinesas e, ainda, pela prática arquitectónica contemporânea.

      He Jingtang defende que, no primeiro tópico, “a construção urbana deve seguir o conceito de desenvolvimento centrado nas pessoas”. “A cultura é a alma de uma cidade, o estilo e o gosto da construção urbana reflectem as características, qualidade, busca e desenvolvimento de uma cidade. Apreciando a beleza da natureza, integrando cidades com edifícios e ambientes naturais, é nossa grande busca na construção urbana criar um ambiente de vida que não seja apenas adequado para trabalhar, mas também para viver e viajar”, refere, citado pelo comunicado de imprensa divulgado pelo Albergue SCM.

      Já em relação ao segundo tópico de discussão, o académico chinês considera que, a partir de um grande número de práticas criativas, é possível resumir uma teoria que orienta o projecto arquitectónico, denominada “duas perspectivas e três propriedades”. “Lugar, cultura e tempo como um todo, é um conceito holístico. Lugar é a base da qual a arquitectura depende para a sua sobrevivência. Cultura é a conotação e o gosto da arquitectura, enquanto o tempo reflecte o espírito e o desenvolvimento da arquitectura”, explicou, acrescentando que “um processo de projecto lógico geralmente começa com a escavação de contexto útil do lugar como base para o projecto”. “Do ponto de vista cultural, será posteriormente aprofundado e actualizado com tecnologias e conceitos modernos, que posteriormente serão completados a partir de uma visão holística do espaço e do tempo, criando um todo orgânico harmonioso e unificado das ‘três propriedades’”, notou ainda.

      Por fim, e sobre o terceiro tópico, He Jingtang assume que, “ao exibir uma série de marcos arquitectónicos, a arquitectura regista uma época”. “Ela condensa a memória comum do nosso país e exibe um capítulo histórico do grande rejuvenescimento da China”, concluiu.

      As vagas são limitadas, pelo que a organização apela aos interessados para que façam um pré-registo através do link https://forms.gle/pmWDwiuWjjNNoXi18 até ao dia 21 de Outubro, pelas 13h.

      Ponto Final
      Ponto Finalhttps://pontofinal-macau.com
      Redacção do Ponto Final Macau