Edição do dia

Quarta-feira, 19 de Junho, 2024
Cidade do Santo Nome de Deus de Macau
céu pouco nublado
29 ° C
29.9 °
28.9 °
94 %
3.6kmh
20 %
Ter
29 °
Qua
30 °
Qui
30 °
Sex
30 °
Sáb
30 °

Suplementos

PUB
PUB
Mais
    More
      InícioDesportoCircuito de 3X3 da Grande Baía em basquetebol regressa a Macau ...

      Circuito de 3X3 da Grande Baía em basquetebol regressa a Macau  

       

      Durante seis dias, mais de 100 equipas vão jogar entre si para apurar quem serão os finalistas do torneio. Ruínas de São Paulo, Largo do Pagode da Barra, junto ao Templo de A-Má, Praça de Tap Seac e Wynn Palace são os campos disponíveis pela organização, que pretende elevar o nível de basquetebol de 3 em Macau.

       

      A Taça Wynn Circuito de 3X3 da Grande Baía está de volta a Macau para a sua segunda edição. O torneio iniciou-se ontem e durará sábado, dia 16 de Outubro, distribuído por campos instalados nas Ruínas de São Paulo, Largo do Pagode da Barra, Praça de Tap Seac e Wynn Palace. “O basquetebol de 3 é uma modalidade desportiva energética, na edição passada foram realizadas competições de 3X3 em diferentes zonas de património em Macau, conquistando comentários positivos e boas impressões junto da população local, turistas e jogadores participantes”, lembrou presidente do Instituto do Desporto (ID), Pun Weng Kun, num discurso durante a cerimónia de abertura.

      O evento iniciou em Junho e, desde então, tem-se vindo a realizar etapas nas cidades da área da Grande Baía. Os primeiros oito classificados das etapas competirão nas finais de Macau. Foram criadas, este ano, duas competições. Uma de grupo aberto e outra de grupo feminino, num total de 72 equipas no grupo aberto e 33 equipas no grupo feminino. “A organização pretende elevar o nível de basquetebol de 3 de Macau através da organização deste evento, divulgar e intensificar as relações e intercâmbio entre a cidades da Grande Baía, criar eventos desportivos específicos com características típicas, aumentar os elementos desportivos e turísticos locais, bem como elevar a imagem do desporto de Macau”, referiu Pun Weng Kun.

      O jogo de abertura, nas Ruínas de São Paulo, foi entre o Chang Long de GuangDong e Wa Fong A. A equipa forasteira não deu qualquer hipótese e venceu por 22 a 6. Depois desse jogo, também no mesmo campo, jogaram-se mais encontros, todos eles bem disputados, com os jogadores a querer mostrar serviço logo no primeiro dia.

      As competições de grupo continuarão até amanhã, sendo que para os últimos dias estão reservadas as eliminatórias dos quartos-finais, meias-finais e finais dos grupos aberto e feminino. Hoje todos os campos estarão a ser utilizados e o público pode assistir de forma gratuita. De 14 a 16 de Outubro, as entradas já são custeadas, para se assistir às finais.

      Para as provas de meias-finais e finais de grupo da Grande Baía a 16 de Outubro serão necessários bilhetes, sendo que cada ingresso custa 100 patacas e pode ser adquirido de 12 a 14 de Outubro, das 14h às 19h, no relvado da porta sul do Wynn Palace e na praça do Tap Seac. Cada pessoa só poderá comprar até dois bilhetes. “Mais uma vez agradeço ao patrocínio ao Wynn Macau e espero que possamos, através da nossa cooperação, estabelecer uma plataforma através do desporto, contribuindo para o desenvolvimento de diferentes indústrias locais para a sociedade. Por fim, agradeço também o contributo e apoio da Associação de Basquetebol de Macau”, referiu ainda o presidente do ID.

      Organizada pelo ID e Companhia de Recreação e Produção STARMAC, Ltd., o evento é ainda co-organizado pela Associação Geral de Basquetebol de Macau-China e Absolute 3×3 Basketball. Para mais informações, os interessados poderão consultar a página oficial do evento em www.macao3x3basketball.com, bem como as redes sociais Facebook e Instagram, que só estão em língua chinesa.

      O 3×3 é um formato de basquetebol há muito praticado em ruas de todo o mundo, embora de forma menos formal. No início deste século, as regras do jogo começaram a tornar-se padronizadas nos Estados Unidos da América, principalmente através das séries de torneios Gus Macker e Hoop It Up, que realizavam grandes eventos em todo o país para jogadores de diversos níveis e capacidades. Contudo, a ideia de competir oficialmente numa quadra de rua vem de 1992 quando a marca germânica Adidas lançou a sua competição de ‘streetball’, actualmente interrompida. Desde então, o número de eventos e competições 3×3 não parou de crescer em todo o mundo.