Edição do dia

Domingo, 19 de Maio, 2024
Cidade do Santo Nome de Deus de Macau
céu pouco nublado
25 ° C
25.9 °
24.9 °
83 %
4.6kmh
20 %
Dom
25 °
Seg
25 °
Ter
27 °
Qua
25 °
Qui
25 °

Suplementos

PUB
PUB
Mais
    More
      InícioPolíticaRecolhidos 360 mil electrodomésticos de pequeno e médio porte para reciclagem

      Recolhidos 360 mil electrodomésticos de pequeno e médio porte para reciclagem

      Raymond Tam, director dos Serviços de Protecção Ambiental (DSPA), assinalou ontem, na Assembleia Legislativa (AL), que já foram recolhidos cerca de 360 mil electrodomésticos de pequeno e médio porte para reciclagem. Foram também recolhidos 155 mil de grande porte e 130 mil telemóveis.

      O programa, lançado pelo Governo no início de 2020, visa reciclar equipamentos electrónicos e eléctricos domésticos, antigos e usados, incluindo frigoríficos, ares-condicionados, máquinas de lavar roupa, televisões, electrodomésticos pequenos, computadores e telemóveis. Estes objectos são, depois de reaproveitados, dados a escolas, instituições sem fins lucrativos e serviços públicos. O director da DSPA revelou ontem que já foram dados 250 computadores reaproveitados a instituições de solidariedade social.

      Há 17 postos fixos de recolha instalados nos postos de recolha do Programa de Pontos “Verdes”, nos centros de serviços cívicos e municipais subordinados ao Instituto para os Assuntos Cívicos (IAM), etc. Raymond Tam adiantou que o Governo vai ampliar a rede de recolha destes aparelhos.

      As informações surgiram em resposta a uma interpelação oral do deputado Ngan Iek Hang, que começou por elogiar o “notável” trabalho de reciclagem do Governo. No entanto, tendo em consideração o “crescente volume de lixo electrónico e o enorme valor económico oculto na reciclagem através do aproveitamento razoável dos resíduos sólidos electrónicos”, o deputado acabou por pedir o alargamento da rede de postos de recolha de equipamentos electrónicos.

      O deputado sugeriu também a colaboração com empresas de recolha e reciclagem do interior da China. Raymond Tam concordou e disse que o Governo vai proceder a esses trabalhos.