Edição do dia

Quinta-feira, 29 de Setembro, 2022
Cidade do Santo Nome de Deus de Macau
céu pouco nublado
27.9 ° C
28.9 °
27.9 °
89 %
6.7kmh
20 %
Qui
28 °
Sex
28 °
Sáb
29 °
Dom
29 °
Seg
30 °

Suplementos

PUB
PUB
Mais
    More
      Início Internacional Balanço de ataque russo a edifício residencial sobe para 15 mortos

      Balanço de ataque russo a edifício residencial sobe para 15 mortos

      As equipas de socorro ucranianas encontraram ontem mais nove corpos nos escombros de um edifício residencial atacado pelas forças russas no sábado à noite, elevando o balanço para 15 mortos, anunciaram as autoridades locais. O ataque teve por alvo um edifício residencial de Chasiv Yar, no leste da Ucrânia, segundo o governador ucraniano da região de Donetsk, a que pertence a cidade. Pavlo Kirilenko tinha dito anteriormente que três dezenas de pessoas estariam sob os escombros do edifício de cindo andares e que as equipas de socorro estavam no local. “Durante as operações de resgate, foram encontradas 15 pessoas mortas no local e cinco pessoas foram retiradas dos escombros”, anunciou o ramo local do Serviço de Situações de Emergência na rede social Facebook, citado pela agência francesa AFP. As equipas de socorro disseram que várias pessoas ainda estão debaixo dos escombros, incluindo uma criança, e que conseguiram entrar em contacto com três dessas pessoas. Kirilenko disse na rede social Telegram que o edifício foi atingido por um míssil russo “Hurricane”. Jornalistas da AFP que chegaram ao local após o ataque viram o edifício parcialmente destruído e as equipas de resgate a trabalhar com o auxílio de uma escavadora, segundo a agência francesa.

      A Rússia ainda não comentou o ataque em Chasiv Yar, uma pequena cidade que tinha cerca de 12.000 habitantes, mas tem negado que as suas forças ataquem alvos civis. Os militares ucranianos confirmaram, no sábado, uma onda de bombardeamentos russos em múltiplas frentes, com especial destaque para Donetsk, a última região em disputa no leste da Ucrânia. A região vizinha de Lugansk está sob controlo quase total das forças russas e dos seus aliados. As autoridades militares ucranianas disseram que a Rússia está agora a lançar ataques a oeste da cidade de Lysychansk e que os próximos alvos serão Sloviansk e Kramatorsk. Chasiv Yar fica a cerca de 20 quilómetros a sudeste de ambas as cidades. Kirilenko disse que 591 civis foram mortos e 1.548 feridos na região de Donetsk desde o início da invasão russa, em 24 de Fevereiro deste ano. Donetsk e Lugansk, no Donbass, são duas regiões separatistas pró-russas que Moscovo reconheceu como repúblicas independentes antes de invadir a Ucrânia. A guerra na Ucrânia, que entra hoje no 138.º dia, foi condenada pela generalidade da comunidade internacional.

      Ponto Finalhttps://pontofinal-macau.com
      Redacção do Ponto Final Macau