Edição do dia

Quinta-feira, 30 de Junho, 2022
Cidade do Santo Nome de Deus de Macau
aguaceiros fracos
26.9 ° C
31 °
26.9 °
94 %
5.1kmh
40 %
Qui
28 °
Sex
29 °
Sáb
28 °
Dom
29 °
Seg
30 °

Suplementos

PUB
PUB
Mais
    More
      Início Internacional Marianna Podgurskaya assinala primeiro mês da filha com fotografia no Instagram

      Marianna Podgurskaya assinala primeiro mês da filha com fotografia no Instagram

      A ucraniana, que foi acusada de ser uma actriz pelo Kremlin, deixa uma mensagem de paz e amor na sua rede social, ao mesmo tempo que partilha uma singela imagem da sua mão e da mão da bebé. “Quero desejar a todos na Terra que os vossos filhos não conheçam a palavra guerra”, escreve ainda a influencer de 26 anos.

       

      A influencer ucraniana que é um dos rostos do conflito armado na Ucrânia publicou, pela primeira vez este domingo, uma imagem a assinalar o primeiro mês de vida da filha com uma imagem da sua mão e da pequena mão da bebé na rede social Instagram.

      A imagem, acompanhada de um texto longo e sentido escrito em cirílico, é reveladora de que tudo está bem com a bebé e com a mãe. Marianna Podgurskaya agradece a todos os que a ajudaram, nomeadamente aos profissionais de saúde do hospital número 3, aquele que foi bombardeado, e ainda ao pessoal do hospital número dois, para onde foi levada depois do ataque russo. “Graças a eles, a nossa Veronika nasceu, e nós sobrevivemos até à evacuação de Mariupol”, pode ler-se na publicação no Instagram.

      A influencer ucraniana começa por dizer que o nascimento da filha, em condições muito complicadas e graves, “é o evento mais brilhante e significativo de nossas vidas”. “Hoje a nossa amada filha faz um mês, o seu nascimento é o evento mais brilhante e significativo das nossas vidas! Durante este tempo, recebemos um número enorme de palavras de apoio! Muito obrigada a todos pelas palavras queridas e desejos! Também houve palavras negativas, mas não guardo rancor de ninguém e não há espaço para insultos na minha alma! Quero ensinar a minha filha o mesmo, para que a sua alma permaneça brilhante e pura, e cheia de amor e piedade!”

      A jovem mulher deixa ainda uma palavra de conforto e esperança a todos os ucranianos, em especial àqueles que estão no terreno a combater pela libertação do país, mas também a todos os familiares que sofrem com a perda de entes queridos. “Quero desejar a todos na Terra que os vossos filhos não conheçam a palavra guerra, que os vossos pais, maridos, filhos e irmãos sempre voltem para casa, e que o amor reine nas vossas almas.”

      Marianna  anunciou a sua gravidez apenas a 25 de Janeiro, um mês antes de eclodir a guerra, já com uma barriga bastante proeminente, revelando que o nascimento da bebé estaria para muito breve. Com mais de 100 mil seguidores, a ucraniana é uma conceituada influencer de ‘lifestyle’, beleza e bem-estar.

      Há cerca de um mês – precisamente a 9 de Março – a maternidade em Mariupol onde estava a aguardar pelo parto foi bombardeada pelo exército russo. Depois desse incidente, como se já não bastasse todo o horror de uma guerra, Marianna Podgurskaya acabou por ser acusada por Moscovo de ser uma actriz contratada pelo Governo ucraniano para encenar tudo aquilo por que, de facto, passou.

      A mulher de 26 anos tornou-se numa das imagens do ataque à maternidade de Mariupol quando foi fotografada grávida e ferida, a descer as escadas do edifício, e depois mais tarde, igualmente fotografada em frente à maternidade envolta num cobertor, no meio do caos e destruição.

      Na altura, o Governo russo justificou o bombardeamento ao hospital pediátrico aludindo ao facto de ali ser também uma base para extremistas ucranianos. No ataque, quatro pessoas, incluindo uma criança e um bebé, morreram, tendo outras 17 pessoas ficado feridas. Uma outra mãe, grávida, igualmente imagem forte desse ataque, acabou por morrer posteriormente juntamente com o seu bebé, após a evacuação.