Edição do dia

Domingo, 19 de Maio, 2024
Cidade do Santo Nome de Deus de Macau
chuva moderada
25.9 ° C
26.9 °
25.9 °
83 %
6.7kmh
40 %
Dom
25 °
Seg
24 °
Ter
25 °
Qua
25 °
Qui
25 °

Suplementos

PUB
PUB
Mais
    More
      InícioSociedadeEnfermeira terá importado droga escondida num frasco de suplementos

      Enfermeira terá importado droga escondida num frasco de suplementos

      Uma enfermeira trabalhadora não-residente de 33 anos foi detida por suspeitas de tráfico de estupefacientes, tendo escondido droga nas cápsulas de suplementos alimentares de cuidados pessoais, transportando-as do interior da China até à RAEM. O caso levou ainda à detenção de mais uma mulher, oriunda do continente, de 34 anos, que estava a adquirir droga à enfermeira.

      De acordo com a Polícia Judiciária (PJ), citada no jornal Exmoo, a operação policial de detenção foi realizada na passada quarta-feira nas imediações de um hotel no NAPE, onde as duas suspeitas estavam a transaccionar droga ao final de tarde, e foram apanhadas de imediato. As autoridades apreenderam na posse da enfermeira um frasco de suplementos de “Bio E + Selenium”, com droga escondida em comprimidos de cuidados pessoais.

      Foram encontradas no total 73 gramas de Ice nos comprimidos, e o valor total dos estupefacientes confiscados ronda cerca de 240 mil patacas.

      O porta-voz da PJ revelou que a investigação do caso foi levantada após terem recebido anteriormente informações das autoridades policiais da cidade Zhuhai, que apontavam à existência de um grupo criminoso de tráfico de droga que terá contrabandeado droga para Macau, e vendiam principalmente a indivíduos oriundos da China Continental que se encontravam em Macau.

      A trabalhadora não-residente envolvida no caso estava a trabalhar como enfermeira numa organização privada na Taipa há mais de quatro anos, segundo a PJ. Após a detenção, a mulher negou ter praticado o crime e recusou revelar mais informações sobre o caso. No entanto, a enfermeira tinha registos diários de passagens entre Macau e Zhuhai, pelo que a PJ salientou que não exclui a possibilidade de a suspeita ter transportado o produto clandestinamente nas viagens entre os dois locais.

      Quanto à outra detida que tentou adquirir a droga, admitiu às autoridades ter o hábito de consumo de droga, e o resultado do seu teste médico também deu positivo.

      O caso foi ontem encaminhado para o Ministério Público com possíveis acusações de crimes de tráfico ilícito de estupefacientes e de substâncias psicotrópicas e consumo ilícito de estupefacientes e de substâncias psicotrópicas, respectivamente.

       

      C.C.

       

      Ponto Final
      Ponto Finalhttps://pontofinal-macau.com
      Redacção do Ponto Final Macau