Edição do dia

Quinta-feira, 18 de Agosto, 2022
Cidade do Santo Nome de Deus de Macau
nuvens quebradas
25.9 ° C
27.1 °
25.9 °
94 %
6.2kmh
75 %
Qua
28 °
Qui
30 °
Sex
31 °
Sáb
29 °
Dom
29 °

Suplementos

PUB
PUB
Mais
    More
      Início Sociedade Família de macacos-dourados em Macau ganha um novo membro

      Família de macacos-dourados em Macau ganha um novo membro

      A fêmea de macaco-dourado em cativeiro no Parque de Seac Pai Van deu à luz, no dia 1 de Março, o seu segundo bebé. O recém-nascido encontra-se, de momento, em estado estável, e é tratado cuidadosamente pela mãe, sem se afastar dos seus braços, revelou ontem o Instituto para os Assuntos Municipais (IAM) em nota de imprensa.

      Tendo em conta que a fêmea de macaco-dourado teve uma cria, a equipa veterinária do IAM já reforçou a observação da saúde da mãe e do seu recém-nascido, a fim de garantir a boa condição física e mental de ambos. Ao mesmo tempo, para satisfazer as necessidades da fase de amamentação pela fêmea de macaco-dourado, a equipa do IAM ajustou a ementa das suas refeições, aumentando a quantidade de alimentos, com o objectivo de fornecer nutrientes suficientes para esta amamentar e cuidar da sua cria.

      O macaco-dourado irmão mais velho Lian Zi, que já completou dois anos, está muito curioso e interessado no pequeno macaco, não parando de tentar interagir com o seu novo irmão, refere o IAM. Entretanto, disse ainda o IAM, “a progenitora continua a cuidar de ambos, dia e noite”. Actualmente, a família de macacos-dourados está a viver na zona de animais raros do parque. “Caso os cidadãos queiram visitá-los, devem permanecer em silêncio no local, evitando o impacto para a mãe e o recém-nascido”, avisa o IAM.

      Neste momento, existem no Parque de Seac Pai Van quatro macacos-dourados, dos quais um par de adultos foram enviados pelo interior da China para Macau, após a assinatura do acordo de cooperação entre o IAM e o Qinhuangdao Wild Animals Ambulance Center, em 2017. De acordo com o respectivo acordo, o IAM irá transportar de forma ordenada os quatro macacos-dourados para o interior da China, para que continuem a participar no projecto de conservação e reprodução.

      Ponto Finalhttps://pontofinal-macau.com
      Redacção do Ponto Final Macau