Edição do dia

Quinta-feira, 30 de Junho, 2022
Cidade do Santo Nome de Deus de Macau
aguaceiros fracos
26.9 ° C
31 °
26.9 °
94 %
5.1kmh
40 %
Qui
28 °
Sex
29 °
Sáb
28 °
Dom
29 °
Seg
30 °

Suplementos

PUB
PUB
Mais
    More
      Início Desporto Benfica anulado em Kiev, Bayern surpreende Barcelona

      Benfica anulado em Kiev, Bayern surpreende Barcelona

      O Benfica ficou-se pelo nulo no reduto do Dínamo Kiev, no encontro de estreia do Grupo E da Liga dos Campeões de futebol, enquanto o Bayern Munique impôs um esclarecedor 3-0 ao FC Barcelona, na Catalunha.

      A equipa comandada por Jorge Jesus até dispôs de algumas oportunidades no Olímpico da capital ucraniana, mas o final foi de verdadeiros sobressaltos, com bolas nos ferros e golo anulado. Os encarnados tinham a ‘obrigação’ de vencer em solo ucraniano, mas, com este nulo, podem ver comprometidas as hipóteses de seguir em frente, uma vez que se seguem os ‘tubarões’ bávaros e catalães nas próximas quarto jornadas.

      Se na antevisão da outra partida da ‘poule’ se perspectivava um eventual equilíbrio entre alemães e espanhóis, a verdade é que em Camp Nou o Bayern rapidamente se impôs, pelo ‘pé’ direito do veterano Thomas Muller – cumpriu o jogo 125 na prova, beneficiando ainda do ressalto nas costas de Eric Garcia, que ‘traiu’ Ter Stegen, aos 34 minutos. O habitual artilheiro Robert Lewandowski (56 e 85) viria a ‘bisar’ para aumentar e fechar contagem, já no segundo tempo. Na casa do estreante sueco Malmö, os italianos da Juventus, no primeiro desafio pós Ronaldo na ‘Champions’, resolveram uma missão, que se antevia acessível, ainda antes do intervalo, com golos do brasileiro e ex-FC Porto Alex Sandro, aos 23 minutos, do argentino Paulo Dybala (45), na conversão de uma grande penalidade, e do espanhol Alvaro Morata (45+1).

      Em Londres, no outro desafio do Grupo H, Romelu Lukaku marcou o único tento, aos 69 minutos, para o campeão em título Chelsea, na recepção aos russos do Zenit. Tal como no Dínamo de Kiev-Benfica, também o desafio da ‘poule’ G entre Lille e Wolfsburgo terminou sem golos.

      No Grupo F, Villarreal e Atalanta empataram a dois golos no Estádio de la Ceramica, naquela que foi a partida com mais tentos no primeiro dia, com Remo Freuler, logo aos seis minutos, e Robin Gosens, aos 83, a marcarem para os transalpinos, enquanto Manu Trigueros (39) e o holandês Arnaut Danjuma (73) foram os autores dos remates certeiros dos espanhóis.

      Num dos dois encontros de abertura da edição 2021/22 da Liga dos Campeões, o Manchester United, reduzido a 10 uma hora, perdeu com o Young Boys (2-1), em Berna, nos descontos de um jogo que teve o golo dos ingleses anotado por Cristiano Ronaldo, assistido pelo compatriota Bruno Fernandes.

      No Estádio Ramón Sánchez Pizjuán, o primeiro desafio do Grupo G entre Sevilha e Salzburgo terminou empatado a um golo e ficou marcado pelas quatro grandes penalidades assinaladas – todas na primeira parte – pelo árbitro bielorrusso Aleksei Kulbakov, as três primeiras para os austríacos e a última para os espanhóis, sendo que os visitantes apenas converteram uma. Primeiro, logo aos 13 minutos, Karim Adeyemi atirou a bola ao lado do poste esquerdo, depois, foi Luka Sucic (21) a ser chamado para inaugurar o marcador, batendo da marca dos 11 metros com eficácia, algo que já não conseguiu repetir instantes depois, levado a bola a embater no ‘ferro’. Do outro lado, o experiente médio Ivan Rakitc (42 minutos) não deu hipóteses a Kohn, restabelecendo a igualdade e fixando o resultado final, ainda antes do tempo de descanso.

      Ponto Finalhttps://pontofinal-macau.com
      Redacção do Ponto Final Macau

      DEIXE UMA RESPOSTA

      Por favor escreva o seu comentário!
      Por favor, escreve aqui o seu nome