Edição do dia

Quinta-feira, 22 de Fevereiro, 2024
Cidade do Santo Nome de Deus de Macau
neblina
21.5 ° C
23.9 °
20.9 °
100 %
3.1kmh
40 %
Qui
23 °
Sex
21 °
Sáb
20 °
Dom
21 °
Seg
20 °

Suplementos

PUB
PUB
Mais
    More
      Início Lusofonia Timor-Leste regista mais três mortos e 167 novos casos

      Timor-Leste regista mais três mortos e 167 novos casos

      Timor-Leste registou ontem mais três mortes de pessoas infetadas com SARS-CoV-2, elevando para 67 o total de óbitos desde o início da pandemia, e mais 167 casos, a maioria em Díli e Baucau, segundo dados oficiais. De acordo com o Centro Integrado de Gestão de Crise (CIGC), as vítimas mortais incluem um homem de 43 anos, não vacinado, diagnosticado apenas ontem com síndrome de insuficiência respiratória aguda (SIRA) e que morreu no Hospital Nacional Guido Valadares (HNGV), em Díli.

      Morreu ainda uma mulher de 63 anos, também não vacinada, diagnosticado em Viqueque, na ponta leste do país, em 29 de agosto, e com história de tuberculose, e outro homem de 55 anos, também não vacinado, diagnosticado na segunda-feira em Ainaro, com história de hipertensão. Com estas mortes sobem para 41 as registadas só no mês de Agosto, o que representa 61% de todas as mortes de pessoas infectadas desde Março de 2020.

      O boletim diário divulgado pelo CIGC indica que se registaram 166 novos casos, dos quais 167 em Díli e 30 em Baucau, sendo que cerca de 40% das novas infeções tinham sintomas da covid-19. Registaram-se ainda 239 recuperados, com o total de casos ativos a descer pela primeira vez em várias semanas para 4.499, e o total de casos acumulados a aumentar para 16.682.

      Os casos detectados em Agosto, 5.784, representam 34,67% de todos os casos verificados no país, consolidando agosto como o pior mês desde o início da pandemia. Cerca de 37% dos novos casos detectados foram entre pessoas com a vacinação completa, e 22% eram pessoas com uma dose da vacina.

      Especialmente preocupante para os serviços de saúde, que se debatem com elevados números de profissionais de saúde infetados e em isolamento, é a situação dos casos moderados e graves que requerem hospitalização. Actualmente nos centros de isolamento de Vera Cruz e Lahane e no HNGV, em Díli, há 1.117 pessoas, das quais 19 em estado grave – três com ventilação, três com CPAP (máquina de pressão positiva contínua na via aérea) e 13 com oxigénio. Há 60 pessoas em estado moderado.

      A incidência a nível nacional é de 18,9 casos por 100 mil habitantes, sendo que em Díli é de 50,3 casos por 100 mil habitantes, segundo o CIGC.

      Ponto Finalhttps://pontofinal-macau.com
      Redacção do Ponto Final Macau