Edição do dia

Terça-feira, 7 de Fevereiro, 2023
Cidade do Santo Nome de Deus de Macau
nuvens dispersas
17.9 ° C
19.9 °
17.9 °
94 %
1kmh
40 %
Ter
22 °
Qua
19 °
Qui
20 °
Sex
20 °
Sáb
20 °

Suplementos

PUB
PUB
Mais
    More
      Início Desporto Leão sagra-se campeão na Bolinha sem qualquer golo sofrido

      Leão sagra-se campeão na Bolinha sem qualquer golo sofrido

      O Sporting de Macau sagrou-se ontem à noite campeão desta edição do campeonato da Bolinha ao derrotar o Benfica, por 1-0, com um golo de Nicholas Torrão, antigo avançado das ‘águias’. Numa partida bastante dividida em que o resultado podia ter favorecido qualquer um dos lados, os ‘leões’ acabaram por ser mais eficazes ao nível da finalização, terminando esta edição do campeonato de futebol de sete sem qualquer golo sofrido.

      O campo do colégio D.Bosco teve ontem casa cheia para a final da Bolinha que teve um clássico entre Sporting e Benfica de Macau como aliciante extra. Os ‘leões’ acabaram por levar a melhor, vencendo por 1-0, com um golo apontado por Nicholas Torrão no final da primeira parte. O antigo avançado das ‘águias’ deu seguimento a uma jogada de Iuri Capelo pela direita, fazendo assim o único golo da partida que valeu o troféu ao Sporting de Macau, que acaba por se sagrar campeão da Bolinha sem qualquer golo sofrido.

      “Tem um sabor muito especial porque foi contra uma grande equipa, o que valoriza ainda mais a nossa vitória. Acho que foi um grande jogo de futebol, o Sporting fez uma excelente Bolinha, com 14 ou 15 golos marcados e zero sofridos, o que é de salientar, não é fácil não sofrer golos ao fim de oito jogos”, disse Pedro Lopes ao PONTO FINAL no final da partida.

      O treinador do Sporting considerou que foi “um jogo equilibrado” em que “qualquer uma das partes podia chegar ao golo”, mas considerou que a vitória é justa. “Felizmente fomos nós [a marcar] e não sofremos, num jogo com as bancadas completamente cheias. Nós ganhámos, podia ter sido o Benfica, na minha opinião assenta-nos bem a vitória”, disse Pedro Lopes.

      Do lado do Benfica, o treinador Cuco começou por dar os parabéns ao adversário, lamentando a falta de concretização por parte da sua equipa. “Uma equipa que falha muitos golos e depois sofre, não dá. Há que dar os parabéns ao Sporting, fizeram o jogo deles, temos que ser homenzinhos e assumir, é futebol”, disse o técnico das ‘águias’ ao PONTO FINAL.

      No entanto, Cuco considera que, apesar da derrota, o clube fez uma época bastante positiva no campeonato da Bolinha. “A malta viu um Benfica em transição no ano passado e falou muito mal, mas não sabia que o Benfica estava a passar por um processo de mudança. Chegar a uma final da Bolinha, com uma equipa a subir de rendimento jogo após jogo, estamos todos de parabéns. O trabalho está a ser feito, agora é continuar e não parar por aqui”, sublinhou o treinador do Benfica de Macau.

      Sobre a próxima temporada da Liga de Elite, o técnico garantiu que o esquema irá manter-se com uma aposta na juventude. “Estamos a passar ainda por um processo de renovação, a malta mais velha já está a deixar de jogar futebol, há que arranjar sucessores”, concluiu.

      Já Pedro Lopes, e apesar da conquista no campeonato da Bolinha, mostrou-se cauteloso para a próxima temporada do futebol de onze. “Não vamos entrar em loucuras, vamos continuar o trabalho que temos feito até aqui, e para o Bolão é jogo a jogo e depois no final fazemos as contas”, frisou o técnico dos ‘leões’.

      O Chiba fechou as contas do pódio no campeonato da Bolinha, após ter vencido ontem o Ching Fung, por 3-1.